Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
28/11/2010 - 19h45

Felipão diz que entregar jogo é 'bobagem' e crítica torcedores que comemoram a derrota

Publicidade

DE SÃO PAULO

Atualizado às 20h40.

Após a derrota para o Fluminense, o técnico Luiz Felipe Scolari afirmou que entregar jogo é coisa de torcidor e criticou aqueles que "secaram" o próprio time.

"Esta história de entregar jogo é bobagem. Coisa de torcida. Para o jogador, dentro de campo, isso não vale", disse em entrevista coletiva.

Acompanhe a Folha no Twitter
Conheça a página da Folha no Facebook
Fluminense vence titulares do Palmeiras e está a uma vitória do título
Em jogo quente, Cruzeiro vira sobre Flamengo e ainda sonha com título do Nacional
Corinthians vence, mas vê Flu terminar rodada na liderança

"A verdadeira torcida do Palmeiras não foi essa. Aqui, vi a torcida do Fluminense. Àqueles que estiveram na quarta-feira, o meu abraço. Os de hoje, não. Futebol não é isso. Pode ter paixão, mas precisa ter seridade. Nossa equipe tem cor verde", prosseguiu.

O treinador palmeirense elogiou a postura do goleiro Deola, que mesmo pressionado pela torcida, fez boas defesas durante a partida.

"Ele saiu com uma imagem integra para o Brasil inteiro. Os verdadeiros palmeirenses com certeza apoiaram o time", disparou.

O treinador finalizou dizendo que independente da equipe beneficiada com a vitória do Palmeiras --no caso, o rival Corinthians-- o time tem que entrar para ganhar.

"Não importa se o resultado vai ajudar outro time. Eu entro para ganhar", finalizou.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Voltar ao topo da página