Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
14/12/2004 - 15h52

Ex-radicais do PT lançam partido e anunciam Heloísa Helena à Presidência

Publicidade

ROSE ANE SILVEIRA
da Folha Online, em Brasília

A senadora Heloísa Helena (AL) encabeçou hoje o ato que marcou a entrega do pedido de criação do PSOL (Partido do Socialismo e Liberdade) ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Na ocasião, ela foi lançada candidata à Presidência da República para a disputa em 2006.

Nesta terça-feira, o grupo ligado a Heloísa Helena levou ao tribunal 450 mil assinaturas de apoio à criação da nova legenda --eram necessárias, no mínimo, 430 mil assinaturas.

Participaram da cerimônia de anúncio da criação do novo partido, além de Heloísa Helena, os antigos radicais do PT, os deputados João Fontes (SE), Babá (PA) e Luciana Genro (RS). Babá foi o autor do lançamento da candidatura de Heloísa Helena ao Planalto.

A data de hoje foi escolhida porque marca um ano da expulsão dos congressistas dos quadros do PT.

"A parte mais difícil nós já conseguimos. Somos a cobaia da legislação eleitoral. Nenhum outro partido que está no circuito eleitoral teve de enfrentar os obstáculos pelos quais passamos. Isso nos deixa ainda mais felizes, sobretudo, porque hoje faz um ano da expulsão", afirmou.

Heloísa Helena disse ainda que "isso tudo agora é passado". "Não guardamos mágoas. No ano passado recebemos a expulsão de Natal e agora damos ao povo brasileiro um instrumento de luta."

Babá explicou o lançamento da candidatura de Heloísa Helena à Presidência como uma necessidade da sociedade brasileira.

"Todos sabem que alternativa se faz com nomes e, por isso, estamos colocando o nome de Heloísa para a presidência. Ela, antes de ser lançada, já aparecia nas pesquisas. Se alguém achou que em 2006 seria a polarização dos neoliberais com 'tucaninho' na lapela e com 'estrelinha' na lapela se enganou", afirmou.

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Heloísa Helena
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página