Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
22/02/2006 - 17h00

PF indicia Jacinto Lamas por sonegação e lavagem de dinheiro

Publicidade

da Folha Online

A Polícia Federal indiciou nesta quarta-feira o ex-tesoureiro do PL Jacinto Lamas por sonegação e lavagem de dinheiro. Lamas prestou depoimento hoje à PF em Brasília.

O ex-tesoureiro era o homem de confiança do presidente nacional do PL, Valdemar Costa Neto (SP), até ser afastado do cargo, em fevereiro do ano passado.

Costa Neto consta da lista de sacadores das contas do empresário Marcos Valério Fernandes de Souza. Ele teria feito saques de R$ 10,8 milhões por intermédio de assessores ligados a seu partido, como Jacinto Lamas.

Em depoimento ao Conselho de Ética da Câmara, Lamas confirmou ter sacado dinheiro das contas de Marcos Valério no Banco Rural. Segundo ele, este dinheiro foi entregue diretamente nas mãos do presidente do PL.

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Jacinto Lamas
  • Leia a cobertura completa sobre a crise em Brasília
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página