Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
14/08/2006 - 12h29

PSB deve tirar legenda de suspeitos de envolvimento com sanguessugas

Publicidade

ANDREZA MATAIS
da Folha Online, em Brasília

A comissão de ética do PSB começa a analisar amanhã os processos contra os quatro parlamentares do partido acusados pela CPI dos Sanguessugas de envolvimento com a máfia das ambulâncias. A medida é apenas burocrática, pois o comando do partido já havia decidido retirar a legenda dos deputados Paulo Baltazar (RJ), João Mendes de Jesus (RJ), Isaías Silvestre (MG) e Marcondes Gadelha (PB), impedindo que eles se candidatem nas eleições de outubro.

O segundo passo deverá ser a expulsão, mas esse é um processo mais longo que deve levar cerca de 60 dias para ser concluído. "Se tirarmos a legenda direto, eles vão para a Justiça e ganham. É preciso que tenham espaço para se defender no conselho de ética", disse o líder do PSB na Câmara, deputado Alexandre Cardoso (RJ).

Segundo o presidente da comissão de ética do PSB, Murilo Sérgio, em duas semanas o colegiado deverá concluir os processos contra os quatro deputados. Amanhã, o partido decide se eles irão apresentar suas defesas por escrito ou pessoalmente. Todos já foram notificados e têm dez dias a partir de hoje para se explicar.

Cláusula de barreira

Quando o escândalo dos sanguessugas veio à tona, a primeira avaliação no comando do PSB era evitar um processo de expulsão. O partido busca vencer a cláusula de barreira --pela qual só terão representatividade em 2007 as legendas que conquistarem 5% dos votos nacional e 2% em nove Estados-- e não poderia abrir mão dos votos nem mesmo dos parlamentares envolvidos com o escândalo.

Após a conclusão da CPI, no entanto, a cúpula do PSB percebeu que o efeito seria inverso caso mantivesse entre seus candidatos os quatro acusados pela comissão. Segundo apurou a Folha Online, a avaliação é que eles não terão mais votos e poderão prejudicar o partido na campanha.

Leia mais
  • CPI dos Sanguessugas denuncia 72 parlamentares; veja lista
  • CPI dos Sanguessugas absolve 18 parlamentares

    Especial
  • Leia cobertura completa das eleições 2006
  • Leia a cobertura completa sobre a máfia das ambulâncias
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página