Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
15/08/2006 - 19h54

Humberto Costa deixa de citar sanguessugas em entrevista

Publicidade

da Agência Folha, no Recife

Em entrevista concedida à Globo Nordeste, o ex-ministro da Saúde Humberto Costa, candidato ao governo de Pernambuco pelo PT, falou sobre seus planos de governo para a segurança pública, a educação e a geração de empregos.

Ele não foi inquirido sobre a suposta atuação da máfia dos sanguessugas na pasta durante sua gestão.

Costa teve um ex-assessor especial, Francisco Rocha da Silva, citado por Luiz Antonio Vedoin nas investigações sobre o esquema. Segundo as investigações, Rocha teria facilitado a liberação de verbas para emendas.

Na entrevista, quando perguntado sobre seu plano de governo para a saúde, Costa disse que a União disponibiliza recursos suficientes para promover as mudanças que pretende fazer na área.

Leia mais
  • Erramos: Humberto Costa deixa de citar sanguessugas em entrevista
  • CPI dos Sanguessugas denuncia 72 parlamentares; veja lista
  • CPI dos Sanguessugas absolve 18 parlamentares

    Especial
  • Leia a cobertura completa sobre a máfia das ambulâncias
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página