Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
18/08/2006 - 18h25

STF mantém sigilo de investigados pela CPI dos Sanguessugas

Publicidade

da Folha Online

O ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), negou o pedido feito pelo presidente da CPI dos Sanguessugas, Antônio Carlos Biscaia (PT-RJ), para revogar o sigilo das investigações contra 57 parlamentares investigados pelo órgão.

O ministro recomenda que a CPI tome providências para evitar que o conteúdo do processo seja divulgado. Isso porque os inquéritos que tramitam no STF correm em segredo de Justiça.

Na quinta-feira, a Procuradoria Geral da República apresentou outros 27 nomes para que o supremo investigasse. No relatório da CPI, entregue pela comissão, constam 72 nomes.

Com Agência Brasil

Leia mais
  • CPI dos Sanguessugas denuncia 72 parlamentares; veja lista
  • CPI dos Sanguessugas absolve 18 parlamentares

    Especial
  • Leia a cobertura completa sobre a máfia das ambulâncias
  • Enquete: os partidos devem expulsar os parlamentares citados na lista da CPI dos Sanguessugas?
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página