Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
24/08/2006 - 18h47

Alckmin diz que Lula está de "salto 15" e associa petista a mensaleiros

Publicidade

da Folha Online

O candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, voltou a chamar seu adversário petista, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de arrogante. Ele disse que Lula está muito confiante.

"Ele está de salto número 15, eu vou com as sandálias da humildade", disse ele nesta quinta-feira em Patos de Minas (MG) ao lado do governador mineiro Aécio Neves (PSDB).

Alckmin também voltou a associar a imagem de Lula ao escândalo do "mensalão". "O presidente teve 4 anos para fazer pactos [de governabilidade] e fez pacto dos mensaleiros. Este foi o pacto do Lula. Eu vou fazer um pacto com o povo brasileiro para moralizar a política, varrer a corrupção, fazer o Brasil crescer, implementar as reformas que precisam ser feitas."

O tucano também elogiou Aécio, líder nas intenções de voto em Minas e com chances de vencer no primeiro turno. "Nós estamos em um Estado, que é Minas Gerais, que é um exemplo de um bom governo, que é o governo do Aécio Neves."

Leia mais
  • Serra venceria no primeiro turno, diz Datafolha
  • Lula mantém chance de vencer no 1º turno e tem aprovação recorde, diz Datafolha
  • Maioria não assiste a propaganda eleitoral

    Especial
  • Leia cobertura completa das eleições 2006
  • Enquete: o horário eleitoral muda ou não o seu voto?
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página