Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
27/08/2006 - 21h46

CNBB lamenta morte de Dom Luciano

Publicidade

da Folha Online

A CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) lamentou hoje a morte do arcebispo de Mariana, Dom Luciano de Almeida, 75, em São Paulo. Por meio de nota, a Confederação comunicou que recebeu "com grande pesar" a notícia.

"Seu dinamismo, inteligência privilegiada, dedicação incansável e testemunho de amor à Igreja deixaram marcas profundas na Conferência Episcopal e na Igreja no Brasil", diz a CNBB, em nota assinada por seu presidente, o cardeal Geraldo Majella Agnelo, arcebispo de São Salvador da Bahia, pelo vice-presidente, Dom Antônio Celso de Queirós, bispo de Catanduva, e pelo secretário-geral, Dom Odilo Pedro Scherer, bispo auxiliar de São Paulo.

"Seu amor aos pobres o fez servidor e amigo dos pobres e defensor zeloso de suas causas. Sua vida de oração e o testemunho de amor a Deus e ao próximo ajudaram muitas pessoas a se aproximarem de Deus", acrescenta a CNBB, em referência ao trabalho social desenvolvido por Dom Luciano.

Leia mais
  • Morre Dom Luciano Mendes de Almeida, arcebispo de Mariana

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Dom Luciano
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página