Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
19/09/2006 - 16h45

Advogado entra com petição para se prevenir contra prisão de ex-assessor de Lula

Publicidade

EPAMINONDAS NETO
da Folha Online

O advogado de Freud Godoy, ex-assessor da Presidência, Augusto Botelho, afirmou que entrou com uma petição na 2ª Vara Federal como prevenção contra um possível pedido de prisão temporária de seu cliente. Na petição, Botelho afirma que seu cliente está "à total disposição da Justiça de Mato Grosso" para prestar esclarecimentos sobre seu suposto envolvimento no mais recente escândalo político do país.

"Por enquanto, o que nós temos são apenas boatos sobre essa prisão temporária, mas nesses casos de maior repercussão, nós temos que tomar essas medidas", afirma o advogado.

Na semana passada, a Polícia Federal deteve Gedimar Passos e Valdebran Padilha com R$ 1,75 milhão --dinheiro que seria utilizado para compra de um dossiê contra os candidatos tucanos José Serra (governo de São Paulo) e Geraldo Alckmin (Presidência da República). Gedimar apontou Freud Godoy como a pessoa que teria repassado o dinheiro para a operação.

Ontem, Godoy tomou a iniciativa de se apresentar à PF em São Paulo para dar a sua versão do caso. Ele confirmou que teve contato com Gedimar --para tratar da prestação de serviços para o PT em Brasília-- mas negou envolvimento na compra do dossiê.

Segundo o advogado, Freud Godoy se encontra em São Paulo, aguardando os desdobramentos do caso. "Ele está à disposição para prestar um novo depoimento, para perícia gráfica, o que for necessário", afirma.

Ainda de acordo com Botelho, seu cliente ainda não se manifestou por processar Gedimar Passos, que presta depoimento à PF em Mato Grosso. Quando seu nome surgiu na imprensa, por intermédio do depoimento de Gedimar, Godoy enviou um pedido de afastamento do cargo. Hoje, foi publicada a exoneração de Godoy.

Leia mais
  • PF deve rastrear dólares encontrados com suspeitos de comprar dossiê antitucanos
  • PT quer reduzir impacto do escândalo do dossiê na campanha de Lula
  • Procurador pede ampliação de prisão temporária de presos por compra de dossiê
  • Oposição cobra investigação rigorosa do TSE sobre dossiê
  • Procurador avalia pedir prisão temporária de Freud Godoy, ex-assessor de Lula
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página