Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
23/04/2001 - 14h37

Para Serra, resolução da ONU sobre medicamentos é boa ao país

Publicidade

da Folha Online

O ministro da Saúde, José Serra, considerou favorável a decisão da ONU em declarar que o acesso a remédios é um direito humano. Segundo o ministro, isso facilita a batalha para continuar fabricando no Brasil os medicamentos contra a Aids.

A decisão da ONU foi proposta pelo Brasil. O resultado foi favorável à posição brasileira. Só os Estados Unidos se abstiveram.

Apesar da decisão na ONU, os EUA mantém a queixa na Organização Mundial do Comércio contra o Brasil em relação às patentes de medicamentos. O Brasil usa o argumento de que remédios podem ser produzidos localmente em caso de emergência nacional.

Para Serra, os EUA já estão atenuando suas queixas, por causa do isolamento em que ficaram.

"Temos o apoio de toda opinião pública mundial. Produzimos os medicamentos de forma mais barata, e logo ampliaremos o acesso da população. Isso é fundamental".

O ministro fez as declara~ções hoje, em São Paulo, na abertura da Campanha Nacional de Vacinação do Idoso.

As informações são de Elisângela Cordeiro, da Agência Brasil.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página