Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
04/05/2001 - 22h28

Tornado em Campinas impressiona especialista

Publicidade

MÁRIO TONOCCHI
da Folha Online, em Campinas

O tornado que atingiu a região de Campinas no final da tarde de hoje impressionou o especialista em meterologia da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

De acordo com o professor Hilton Silveira Pinto, diretor do Cepagri (Centro de Estudos da Agricultura) o evento de hoje está fora dos padrões brasileiros.

"Foi um fenônomeno muito forte para derrubar tantas árvores, postes de iluminação e torres de transmissão de energia", afirmou.

As tempestades mais comuns no Brasil são as tropicais, que atingem até 90 km/h. Segundo o Cepagri os ventos de hoje chegaram a picos de 300 km/h.

Os tornados são divididos em cinco classes. A classe 1 registra ventos de até 200 km/h. A classe 2 tem ventos de 250 a 300 km/h. A última classe, a 5, tem registro de ventavais de até 510 km/h, fenômenos nunca registrados no Brasil.

Estado de emergência

O prefeito de Sumaré (126 km de São Paulo) cidade mais atingida pelo tornado, Dirceu Dalben (PPS) estuda decretar estado de emergência no município.

O prefeito convocou o secretariado na noite desta sexta-feira para uma reunião que vai decidir ou não a decretação.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página