Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
02/07/2001 - 18h12

Médico restringe visitas ao médium Chico Xavier

Publicidade

LÍVIA MARRA
da Folha Online

As visitas ao médium Chico Xavier, 91, internado no hospital Hélio Angotti, em Uberaba (MG), foram restringidas nesta segunda-feira. Agora, apenas parentes podem visitar o médium. Segundo o hospital, o médium fala pouco, tem voz fraca e as visitas estavam cansando o paciente.

"Muitos que trabalham com ele na Casa da Prece vinham ao hospital. Embora ele não consiga falar muito bem, conhece a maioria pelo nome e acabava pedindo para ver algumas pessoas", afirmou o assessor de imprensa do hospital, Paulo Nogueira.

Chico Xavier está internado desde terça-feira (26) com pneumonia nos dois pulmões. Esta é a quarta pneumonia ocorrida em dez anos.

Segundo o último boletim médico, o estado de saúde do médium melhorou 70% desde a internação. Ele se alimenta via oral, sem sonda, e respira sem máscara. No entanto, a alta médica, prevista para esta segunda ou terça-feira, foi adiada, e pode ocorrer até quinta-feira, conforme o hospital.

Após ter alta, o médium será submetido a tratamento domiciliar por cerca de dois meses. Até a recuperação total, Chico Xavier deverá permanecer deitado. Depois, deverá voltar a andar, com apoios.

"O médico descartou a cadeira de rodas. Com a recuperação, ele [Chico Xavier] poderá voltar a andar como antes, amparado", disse o assessor de imprensa.

Francisco Cândido Xavier, natural de Pedro Leopoldo (MG), é o mais importante médium psicográfico do Brasil e já publicou cerca de 400 livros.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página