Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
25/02/2004 - 17h13

Com enredo sobre a Amazônia, Beija-Flor é bicampeã no Rio

Publicidade

da Folha Online

A escola de samba Beija-Flor é a campeã do Carnaval 2004 no Rio de Janeiro, somando 388,7 pontos. A escola, que se apresentou no segundo dia de desfiles, defendeu um enredo sobre a preservação da Amazônia e as riquezas da região.

Em segundo lugar ficou a Unidos da Tijuca, com 387,9 pontos, seguida da Mangueira, Viradouro e Imperatriz Leopoldinense.

A última colocada foi a São Clemente, que desfila em 2005 no Grupo de Acesso.

Desfile campeão

Quinta escola a desfilar na Marquês de Sapucaí na segunda-feira, a Beija-Flor entrou na avenida sob forte chuva e com um dos seus carros alegóricos incompleto.

João Wainer/Folha Imagem
Carro alegórico da Beija-Flor, que no seu enredo falou da preservação da Amazônia
Com uma comissão de carnavalescos, a Beija-Flor dividiu seu desfile em 51 alas. Os 4.000 componentes desfilaram com fantasias que faziam referências aos elementos da floresta amazônica e aos mitos e lendas que a envolvem.

Para apresentar o enredo, "Manaus - Amazônia - Terra Santa... Que alimenta o corpo, equilibra a alma e transmite a paz", a Beija-Flor começou seu desfile falando do extermínio dos Incas pelos espanhóis. Depois dessa primeira parte, a avenida foi povoada por seres encantados e defensores da floresta, como curupiras e sereias.

A escola apresentou a água dos rios da região como o verdadeiro tesouro da Amazônia e fez alertas com relação à destruição da floresta.

A cidade de Manaus, capital do Estado do Amazonas, teve destaque no desfile com alas representando a riqueza da cidade no início do século 20, quando ficou conhecida como a "Paris dos trópicos". Um dos carros alegóricos representou o Teatro Amazonas. Nesta alegoria desfilaram os participantes do "Big Brother 4", Cida e Thiago.

A atriz Claudia Raia, um dos destaques da escola, teve que desfilar no chão por causa da quebra de um carro. O ex-jogador Zico e a cantora Wanessa Camargo também desfilaram pela escola.

A Beija-Flor foi uma das três escolas cariocas a falar sobre a Amazônia neste ano --Portela e Viradouro também tiveram a região como tema de enredo.

Apuração

A apuração das notas foi seguida de muito nervosismo pelos representantes das escolas que estavam na Marquês de Sapucaí, que vibravam a cada nota dez e se manifestavam contra as notas baixas.

Cada quesito contou com notas de quatro jurados. Porém, no quesito bateria, foram divulgadas as notas apenas de três jurados, já que teria havido quebra de sigilo.

Portela, Império Serrano e Tradição, que levaram para a avenida sambas antigos considerados clássicos, receberam nora 10 de todos os jurados
do quesito samba-enredo. Apenas a Viradouro, que reeditou um samba da Unidos de São Carlos, recebeu notas inferiores.

Confira abaixo a classificação geral:

1 - Beija-Flor (388,7)
2 - Unidos da Tijuca (387,9)
3 - Mangueira (387,9)
4 - Viradouro (386,9)
5 - Imperatriz Leopoldinense (386,5)
6 - Salgueiro (386,2)
7 - Portela (384,9)
8 - Mocidade Independente de Padre Miguel (381,2)
9 - Império Serrano (380,9)
10 - Grande Rio (380,5)
11 - Porto da Pedra (376,7)
12 - Tradição (372,9)
13 - Caprichosos de Pilares (368,9)
14 - São Clemente (367,8)

Especial
  • Fique por dentro do Carnaval 2004
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página