Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
12/04/2004 - 11h33

Ladrões tentam assaltar exposição de Picasso no Ibirapuera

Publicidade

da Folha Online

A exposição do artista plástico espanhol Pablo Picasso no pavilhão da Oca, no Ibirapuera (zona sul de São Paulo), sofreu uma tentativa de assalto por volta das 23h30 deste domingo.

Segundo a Secretaria do Verde e Meio Ambiente, responsável pela administração do Ibirapuera, três homens entraram no parque pelo portão da Oca, que fica aberto até a meia-noite. A mostra, aos domingos, fica aberta até as 21h. No estacionamento do pavilhão, eles teriam abordado um segurança.

Dentro do prédio, no entanto, outros seguranças teriam percebido a abordagem e acionado o sistema de alarme, o que fez com que os ladrões fugissem. A polícia não acredita que eles quisessem roubar os objetos expostos, mas sim o dinheiro da bilheteria da mostra durante o feriado.

No horário da tentativa de assalto, de acordo com a secretaria, 40 integrantes da GCM (Guarda Civil Metropolitana) patrulhavam o parque. Nenhum deles, no entanto, estava no local no momento da abordagem ao segurança.

A segurança interna do prédio é de responsabilidade da Brasil Connects, que administra a Oca. A empresa foi procurada pela reportagem mas ainda não se manifestou sobre o caso.

Depois do alarme, os guardas teriam feito buscas no parque e nos arredores em busca dos ladrões, que não foram encontrados. O caso foi registrado no 36º DP (Paraíso).

Leia mais
  • Empresa reforça segurança na Oca depois de tentativa de assalto

    Especial
  • Saiba como é a exposição "Picasso na Oca"; veja fotos
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página