Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
27/07/2006 - 18h04

Alemanha bate recorde de vendas de cerveja durante a Copa do Mundo-06

Publicidade

da Ansa, em Berlim

Rios de cerveja e vendedores contentes. A Copa do Mundo-06 pode ter feito a Alemanha chorar, mas aumentou, e muito, as vendas de cerveja, tão amada pelos alemães e estrangeiros que visitam o país.

Segundo divulgado hoje pelo Instituto Estatístico Federal de Wiesbaden, no mês passado as cervejarias alemãs venderam 1,1 bilhão de litros de cerveja, a maior quantidade para um mês de junho nos últimos doze anos. "A Copa do Mundo e o bom tempo fizeram a demanda explodir", disse a porta-voz da Associação dos Cervejeiros Alemães, Birte Kleppin.

Agora, parece superado o problema que a indústria de cerveja enfrentava em 2005, quando, talvez por causa de um verão estranhamente frio, as vendas anuais de cerveja estabilizaram-se em 10,53 bilhões de litros, cerca de 0,5% a menos em relação a 2004. Neste ano a tendência parece se inverter. Já em maio a quantidade de cerveja vendida era 8% maior do que no mesmo mês do ano anterior.

Pensando na Copa do Mundo, os restaurantes também começaram a estocar uma quantidade maior de garrafas, que depois foram vendidas no mês de junho.

No total, no primeiro semestre de 2006, foram vendidos 5,23 bilhões de litros de cerveja, 0,7% a mais do que no mesmo período de 2005.

Após a Copa, os produtores esperam agora um aumento geral das exportações. "Muitos torcedores beberam uma boa cerveja na Alemanha e voltaram para seus países com essa boa lembrança na cabeça", afirmou Kleppin. Na primeira metade do ano, as exportações aumentaram em 3%, correspondendo a 720 milhões de litros, três quartos dos quais foram enviados aos países membros da União Européia.

Misturar cerveja com bebidas não-alcoólicas como limonada, Coca-Cola ou sucos de frutas tornou-se a grande moda destes primeiros meses de verão na Europa. "Sob este sol escaldante, esse mix é uma boa alternativa à cerveja", comentou Kleppin.

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre o comércio de cerveja
  • Leia cobertura completa da Copa do Mundo-2006
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página