Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
19/09/2006 - 15h37

Yahoo! alerta para crescimento lento em setor de anúncios on-line

Publicidade

da Folha Online

A empresa de internet Yahoo! alertou nesta terça-feira para a desaceleração no ritmo de crescimento de anúncios on-line em algumas categorias. A notícia fez os papéis da empresa caírem mais de 10%.

A empresa informou que os anúncios nos setores de automóveis e de serviços financeiros teve contração, mas que ainda é cedo para dizer se a desaceleração afetará outras categorias.

Os anúncios neste setor "ainda é bastante significativo", disse o executivo-chefe do Yahoo!, Terry Semel. "Ainda estão crescimento, mas não tão rapidamente quanto esperávamos a essa altura."

Os gastos por parte de empresas de internet com anúncios on-line cresceram de US$ 6 bilhões em 2002 para US$ 12,5 bilhões no ano passado, e a expectativa para este ano é de um novo recorde, segundo o IAB (Interactive Advertising Bureau).

A diretora de serviços financeiros da empresa, Susan Decker, disse que a desaceleração "já tem impacto sobre o trimestre" e o resultado deve ficar no ponto mais baixo das expectativas para o período de julho a setembro.

Em julho, o Yahoo! informou que a receita esperada para o terceiro trimestre estava entre US$ 1,11 bilhão e US$ 1,22 bilhão (excluídas comissões pagas a parceiros). "Se [o efeito] é temporário, ou se isso irá afetar outras categorias [de anunciantes], simplesmente não sabemos", disse Decker. "Vamos ter de esperar para ver."

Anunciantes como General Motors, Ford Motor e Chrysler Group estão entre os que passam por "ajustes orçamentários", disse.

As ações do Yahoo! já caíram cerca de 35% neste ano --com destaque para as quedas em janeiro, após a divulgação dos resultados do quarto trimestre do ano passado, e em julho, quando houve queda foi de 22%.

Com agências internacionais
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página