Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
19/04/2007 - 11h17

Embraer confirma estudo para fabricar jato de transporte militar

Publicidade

da Folha Online

A Embraer confirmou hoje, em encontro com a imprensa realizado durante a Latin America Aero & Defence (LAAD), no Rio de Janeiro, que tem realizado estudos para o possível desenvolvimento de uma aeronave de transporte militar.

Caso seja efetivamente lançado, o EMBRAER C-390, como tem sido chamado, será o avião mais pesado já produzido pela empresa e terá capacidade para transportar até 19 toneladas de carga.

O projeto irá incorporar várias soluções tecnológicas desenvolvidas para o jato comercial EMBRAER 190.

O novo jato poderá ser reabastecido em vôo e também utilizado para reabastecimento, fornecendo combustível a outras aeronaves, em vôo e em solo. O EMBRAER C-390 inclui a tecnologia fly-by-wire, que aumenta a segurança e a operação em pistas curtas e não pavimentadas, sem a necessidade de apoio no solo.

"Nossas análises indicam que existe um mercado potencial para este tipo de aeronave a nível global, especialmente na substituição de modelos antigos, que atingirão o fim de suas vidas úteis na próxima década", disse Luiz Carlos Aguiar, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Defesa e Governo.

"Temos discutido com outras empresas de primeira linha em suas especialidades, uma participação conjunta no desenvolvimento, que deverá seguir dentro das melhores práticas internacionais para programas de defesa", afirmou o executivo.

Leia mais
  • British Airways é apontada como melhor companhia aérea de 2006
  • Com ajuda do Brasil, aérea portuguesa eleva lucro em 75%
  • Portuguesa TAP inicia em julho vôos entre Brasília e Lisboa

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Embraer
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página