Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
26/12/2000 - 22h00

RETROSPECTIVA: Barrichello consegue vitória após 123 GPs

Publicidade

da Folha Online

Rubens Barrichello entrou para a galeria dos brasileiros vencedores na F-1, em 30 de julho de 2000, no GP da Alemanha, no circuito de Hockenheim.

Pela primeira temporada em uma equipe de ponta, a italiana Ferrari, Barrichello foi o brasileiro que mais tempo levou para chegar ao lugar mais alto do pódio. Foram 123 provas.

Emerson Fittipaldi venceu em sua quarta corrida. Ayrton Senna levou 15 GPs. O também tricampeão mundial Nelson Piquet venceu após 23 corridas. E José Carlos Pace, depois de 40.

O piloto foi o escudeiro do alemão Michael Schumacher, que conquistou o tricampeonato e quebrou o jejum de 21 anos sem título da Ferrari.

Em Hockenheim, Barrichello chorou, foi carregado pelos arqui-rivais da McLaren, Mika Hakkinen e David Coulthard, com quem dividiu o pódio, e dedicou a vitória a Ayrton Senna.

Confira a cobertura completa da conquista de Rubens Barrichello na página especial da Folha Online

Clique aqui para ver toda a retrospectiva do ano 2000

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página