Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
07/02/2001 - 23h39

São Paulo vence Flamengo e mantém chances no Rio-São Paulo

Publicidade

da Folha Online

O São Paulo venceu hoje à noite o Flamengo por 2 a 0, no Maracanã, se mantendo na luta por uma vaga nas semifinais do Torneio Rio-São Paulo. França marcou os gols do jogo.

Agora, a equipe do Morumbi fica aguardando os resultados de Corinthians e Palmeiras, que enfrentam amanhã a Fluminense e Botafogo, respectivamente.

Para o São Paulo classificar, o Corinthians não pode ganhar seu jogo, pois a equipe do Parque São Jorge empataria no número de pontos (7 a 7), em vitórias (2 a 2) e no saldo de gols (1 a 1), mas ficaria com o ataque mais positivo _quarto critério de desempate. Até agora, as duas equipes marcaram sete vezes no Rio-São Paulo.

Já o Palmeiras só fica com a vaga se vencer o Botafogo por três gols de diferença.

O primeiro tempo foi extremamente monótono. O São Paulo nem parecia que precisava do resultado. Desclassificado, o Flamengo também não demonstrava muito interesse pela partida.

O time do técnico Oswaldo Alvarez tinha como sua principal jogada as descidas de Belletti, pela direita. Inexplicavelmente, aos 10min, os são-paulinos pararam de utilizar o lateral, e o Flamengo passou a dominar a partida.

A primeira boa chance dos cariocas aconteceu aos 13min. Adriano lançou Roma pelo meio. O atacante dominou e bateu forte. Rogério salvou com o joelho e, no rebote, Beto mandou para fora.

O São Paulo teve a sua primeira real oportunidade somente aos 34min. Renatinho tocou para Harison, que furou. Na sobra, Alexandre mandou para fora.

Os cariocas responderam em uma cobrança de falta de Adriano, aos 37min. A bola desvia em Alexandre e sai com perigo, à esquerda de Rogério Ceni.

A equipe do Morumbi perdeu duas boas chances com o atacante França, nos minutos finais.

Primeiro, aos 40min, o atacante arrancou pelo meio e bateu forte para ótima intervensão de Júlio César. Depois, em jogada semelhante, França mandou a bola para fora.

Na segunda etapa, a entrada do meia-atacante Cacá no lugar de Harison deu um novo ânimo ao time do São Paulo. Logo aos 2min, o jovem jogador, de 18 anos, recebeu na área, driblou o goleiro, mas não conseguiu tocar para o gol.

O primeiro gol do São Paulo não demorou a sair. Aos 19min, Gustavo Nery invadiu a área e cruzou. Juan cortou com a mão, e o juiz marcou pênalti. França cobrou no canto direito, deslocando o Júlio César.


O gol motivou os são-paulinos, que chegavam com facilidade ao gol do Flamengo.

Aos 32min, França fez um golaço. Ele recebeu um lançamento pelo meio, deu um chapéu em Júlio César e tocou para as redes, definindo a partida.

FLAMENGO
Júlio César; Maurinho, Juan, Gamarra e Cássio; Rocha, Bruno, Beto e Fábio Cabral (Jeferson); Roma e Adriano.
Técnico: Zagallo

SÃO PAULO
Rogério Ceni, Reginaldo, Rogério Pinheiro e Wilson; Belletti (Reginaldo Araújo), Alexandre, Fabiano, Harison (Cacá) e Gustavo; Renatinho e França (Oliveira).
Técnico: Oswaldo Alvarez

Local: estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro
Juiz: João Luís dos Santos (SP)
Cartões amarelos: Maurinho, Juan, Bruno Quadros e Gamarra (F), Alexandre e Wilson (S)
Cartão vermelho: Juan (F)
Gols: França, aos 20min (pênalti) e aos 34min do segundo tempo

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página