Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
12/07/2000 - 21h27

Abatido, São Paulo empata sem gols com o Vitória

Publicidade

da Folha Online

Ainda sob o impacto da derrota na final da Copa do Brasil para o Cruzeiro, o São Paulo empatou em 0 a 0 com o Vitória na estréia das duas equipes na Copa dos Campeões_ torneio que garante uma vaga na próxima edição da Taça Libertadores da América_ ,na noite desta quarta-feira, no estádio Rei Pelé, em Maceió.

O time paulista começou a partida em ritmo lento e criando poucas oportunidades de gol. Na melhor delas, aos 31min, Edu chutou forte de fora da área e o goleiro Paulo Musse fez boa defesa.

O Vitória, campeão baiano, criava boas oportunidades nos contra-ataques, explorando a velocidade do atacante Juninho Petrolina. Aos 35min, o time baiano quase marca em cobrança de falta pela direita de Flávio.

A equipe também parece ter sentido o choque do anúncio de que o meia Raí vai abandonar o futebol após o término da competição.

O jogador também pareceu abalado pela derrota de domingo e teve que ser substituído, após fraca apresentação, na metade do segundo tempo.

No segundo tempo, o técnico são-paulino, Levir Culpi, trocou Axel por Carlos Miguel e Sandro Hiroshi por Ilan, atacante que fez sua estréia na equipe.

Aos 16min, após cruzamento, Petrolina driblou o zagueiro Álvaro na área e chutou na trave. No rebote, Artur cabeceou novamente na trave.

As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo sábado, às 18h, em João Pessoa.

SÃO PAULO 0 x 0 VITÓRIA

SÃO PAULO: Rogério, Belletti, Álvaro, Rogério Pinheiro e Fábio Aurélio; Axel (Carlos Miguel), Alexandre, Raí (Fabiano) e Marcelinho; Edu e Sandro Hiroshi (Ilan)
Técnico: Levir Culpi

VITÓRIA: Paulo Musse, Wilson, Flávio, Moisés e Leandro; Marcelo Paulista, Clayton, Fernando (Leyton) e Vítor (Felipe); Arthur (Alessandro) e Juninho Petrolina
Técnico: Ricardo Gomes

Local: estádio Rei Pelé;
Juiz: Márcio Rezende de Freitas;
Renda: não divulgada;
Público: não divulgado;
Cartões amarelos: Arthur (V)

Leia mais sobre esporte na Folha Online

Discuta esta notícia nos Grupos de Discussão da Folha Online
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página