Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
01/07/2001 - 19h40

Recoba raspa cabelo para festejar vitória sobre o Brasil

Publicidade

da Folha Online

O meia-atacante Recoba raspou a cabeça nos vestiários do estádio Centenário, em Montevidéu, para festejar a vitória de hoje do Uruguai sobre o Brasil pelas eliminatórias sul-americanas à Copa do Mundo de 2002, no Japão e Coréia do Sul.

Suspenso por um ano pela Justiça desportiva italiana por utilizar um passaporte europeu falso, o jogador da Inter de Milão não escondeu sua satisfação com a vitória, para a qual contribuiu ao sofrer pênalti de Cafu aos 33 minutos do primeiro tempo. Magalhães cobrou e fez o gol do Uruguai.

Recoba dedicou o resultado ao seu companheiro Nicolás Olivera, do Sevilha, da Espanha, que devido a uma contusão ficou de fora da seleção do técnico Victor Púa.

Para o meia uruguaio, "os jogadores brasileiros não estão acostumados a serem atacados", por isso foram surpreendidos com os velozes contra-ataques puxados por ele, Magalhães e Dario Silva.
(com agências internacionais)

Leia mais:

  • Brasil mantém tabu de não vencer o Uruguai em Montevidéu

  • Comentário: Tática uruguaia embola meio-campo do Brasil

  • Seleção ignora 'cartilha de Scolari'

  • Astros brasileiros têm atuações apagadas contra o Uruguai

  • Uruguaios vão às ruas para comemorar vitória sobre o Brasil

  • Scolari cobra mais ousadia dos jogadores da seleção

  • Rivaldo some e Romário é anulado em campo

  • Juninho se salva do fiasco no Uruguai

  • Ronaldo acompanha partida das tribunas do estádio Centenário

  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página