Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
17/10/2001 - 23h52

São Paulo é eliminado da Mercosul e amplia jejum e crise

Publicidade

da Folha Online

O São Paulo cumpriu a sua sina nesta noite e a exemplo das três edições anteriores foi eliminado logo na primeira fase da Copa Mercosul. Hoje, o time paulista foi arrasado pelo Vélez Sarsfield, em Buenos Aires, pelo Grupo D do torneio.

A derrota por 4 a 2 não só alija a equipe brasileira da competição sul-americana, como pode culminar na demissão do técnico Nelsinho Baptista, embora a diretoria são-paulina tenha afirmado antes do jogo que o treinador seria mantido no cargo independente do resultado.

O revés também amplia a crise instalada no clube do Morumbi, que não vence há sete jogos _três empates e quatro derrotas.

Antes da partida, Nelsinho afastou três atletas do elenco _Carlos Miguel, Gustavo Nery e Rogério Pinheiro_ acusados por ele como jogadores problemáticos.

Gracian, Fuentes, Husain e Reginaldo Araújo (contra) marcaram os gols do time argentino, que mesmo assim não avançará no campeonato. França e Reginaldo Araújo descontaram para o São Paulo.

A vaga nesta chave ficará para o argentino Talleres, que passou pelo Peñarol, por 3 a 1.

O jogo

Em um jogo repleto de falhas das defesas dos dois lados, o Vélez Sarsfield abriu o placar logo na primeira vez que foi ao ataque. Aos 2min, após cruzamento na área, a bola sobrou para Gracian marcar cara a cara com Rogério.

Aos 15min, o São Paulo reagiu. Lino fez joagada pela esquerda e cruzou para Reinaldo na área, que apenas rolou para França empatar.
Sete minutos depois os argentinos retomaram a vantagem no placar. Após cruzamento na área pela direita, Fuentes ganhou da zaga brasileira para marcar de cabeça.

Na etapa final, diante da iminência da derrota, Nelsinho sacou Lino e colocou o jovem atacante Lenadro, que quase não tocou na bola. Aos 8min, o Vélez fez 3 a 1 com gol contra. Depois de um cruzamento na área, a bola desviou em Reginaldo Araújo e entrou.

Com o placar desfavorável, o São Paulo tentou o gol desesperadamente, mas sem objetividade. E o time platino chegou ao quarto gol. Após novo levantamento na área, Rogério saiu mal do gol, e Husain marcou.

O São Paulo ainda descontou aos 26min. Rogério Ceni cobrou falta na área, Luis Fabiano ajeitou para o meio, a zaga cortou mal, e a bola sobrou para Reginaldo Araújo marcar.

VÉLEZ SARSFIELD
Leyenda; Cubero, Fuentes, Méndez e Bustamante; Buján (Morigi), Falcón, Domínguez, Gutiérrez; Husaín e Gracián (Ladino)
Técnico: Edgardo Bauza

SÃO PAULO
Rogério Ceni; Reginaldo, Emerson e Jean; R.Araújo, Maldonado, Júlio Baptista (F.Simplício) e Lino (Leandro); Reinaldo (Kaká), França e Luis Fabiano
Técnico: Nelsinho Baptista

Local: estádio José Amalfitani, em Buenos Aires (Argentina)
Juiz: Carlos Torres (Paraguai)
Renda e público: não divulgados
Cartões amarelos: Emerson, Maldonado e Luis Fabiano (SP), e Gutierrez (V)
Gols: Garcian, aos 2min, França, aos 15min, e Fuentes aos 23min do primeiro tempo; R.Araújo (contra) aos 8min, Husain, aos 18min, e R.Araújo, aos 26min do segundo tempo.

Leia mais sobre a Copa Mercosul:

  • Home

  • Grupo A

  • Grupo B

  • Grupo C

  • Grupo D

  • Grupo E

  • Artilheiros

  • Regulamento

  • Campeões

  • Curiosidades

  • História

  • Desempenho 1998-2000

  • Grupos de discussão

  • Enquete
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página