Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
08/02/2002 - 12h55

Zizinho é o maior artilheiro da história da Copa América

Publicidade

da Folha Online

O ex-jogador Thomaz Soares da Silva, o Zizinho, 79, que morreu hoje em Niterói (RJ), é o maior artilheiro da história da Copa América, antigo Sul-Americano de seleções, ao lado do do argentino Norberto Méndez.

Os dois jogadores marcaram 17 gols na mais antiga competição entre seleções do mundo. Zizinho participou de seis edições da Copa América, em 1942, 45, 46, 49, 53 e 57, e Méndez, três (1945, 46 e 47).

O único título foi conquistado em 1949, quando o torneio foi realizado no Brasil. Zizinho fez cinco gols nesse ani. O artilheiro do torneio foi o também brasileiro Jair da Rosa Pinto, com nove.

O ex-jogador de Flamengo e São Paulo é também o recordista de jogos na principal competição entre seleções do continente, ao lado do chileno Sergio Livingstone. Os dois disputaram 34 partidas.

Ele também disputou a Copa de 1950, realizada no país. Após o excelente desempenho, quando golearam a Suécia (7 a 1) e Espanha (6 a 1), os brasileiros perderam a chance da primeira conquista mundial, ao perderem para o Uruguai.

Leia mais:

  •  Morre no Rio o craque da Copa de 50, Zizinho

  •  Confira a carreira do ex-jogador Zizinho, que morreu hoje em Niterói
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página