Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
26/08/2000 - 17h36

São Paulo não resiste à pressão e é derrotado no Arena da Baixada

Publicidade

da Folha Online

Em um jogo truncado e violento, o São Paulo foi derrotado, em Curitiba, pelo o Atlético-PR por 2 a 1, em partida da Copa João Havelange. Kléber e Lobatón marcaram os gols dos paranaenses no primeiro tempo, e França descontou na etapa final.

O campo molhado, após uma forte chuva, foi um convite às entradas violentas. O árbitro Antônio Pereira da Silva mostrou seis cartões amarelos, três para cada equipe.

O resultado mantém o Atlético-PR na vice-liderança do Nacional com 15 pontos. Já o São Paulo, que conheceu sua primeira derrota na competição, tem nove pontos e está na décima colocação.

A equipe anfitriã não desperdiçou a primeira chance que teve no jogo. Aos 9 min, o peruano Lobatón matou no peito e chutou forte. No rebote do goleiro Rogério, o atacante Kléber tocou para o gol fazendo 1 a 0.

Os paulistas quase empataram aos 11min. França chutou forte da marca do pênalti e Flávio fez uma ótima defesa.

Lobatón marcou o segundo para os paranaenses, aos 26min, em um lance em que o Rogério defendeu uma finalização cara-a-cara de Kléber.

Perdendo a partida, o São Paulo voltou pressionando na segunda etapa. França perdeu uma ótima chance aos 7min, após uma rápida tabela do ataque.

Aos 21min, Sandro Hiroshi invadiu a área, driblou o goleiro e chutou na trave.

Um minuto depois, em mais um ataque da equipe paulista, Gustavo Nery fez um belo cruzamento e França tocou para o gol de cabeça. O atacante não marcava há 17 dias, tempo que ficou afastado por contusão.

SÃO PAULO
Rogério; Pimentel, Edmílson, Rogério Pinheiro e Fábio Aurélio (Gustavo Nery); Beto (Sandro Hiroshi), Fábio Simplício, Souza e Carlos Miguel; Marcelo Ramos e França Técnico: Levir Culpi

ATLÉTICO-PR
Flávio; Rogério Souza (Luisinho Neto), Reginaldo, Gustavo e Fabiano; Goiano, Marcus Vinícius, Silvinho (Gilson Batata) e Kelly; Lobatón (Silas) e Kléber Técnico: Artur Neto

Local: Arena da Baixada, em Curitiba
Público e renda: não divulgados;
Cartões Amarelos: Lobatón , Goiano e Gustavo (A); Rogério Pinheiro, Rogério Ceni e Beto (SP)
Gols: Kléber, aos 9min do primeiro tempo; Lobatón, aos 26min do primeiro, e França, aos 22min do segundo tempo
Juiz: Antônio Pereira da Silva (GO)

Leia mais sobre a Copa João Havelange

Leia mais sobre esporte na Folha Online

Discuta esta notícia nos Grupos de Discussão da Folha Online


 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página