Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
26/11/2003 - 23h51

São Paulo perde para o River Plate e se complica na Copa Sul-Americana

Publicidade

da Folha Online

O São Paulo complicou sua situação na Copa Sul-Americana. Nesta quarta-feira, jogando em Buenos Aires, o time do Morumbi perdeu por 3 a 1 para o River Plate na primeira partida da semifinal.

Para chegar na final, o time brasileiro precisa vencer a partida de volta por três gols de vantagem (vitória por dois gols leva a decisão para os pênaltis). A partida de volta será disputada no dia 3 de dezembro. Quem se classificar enfrentará o vencedor do confronto entre Cienciano, do Peru, e Nacional de Medellín.

Pelo Brasileiro, o São Paulo, perto da vaga na Libertadores, volta a jogar domingo, em Campinas, contra a Ponte Preta.

A proposta de jogo do técnico são-paulino Roberto Rojas era de proteger a sua defesa com cinco jogadores no meio-de-campo e tentar os contra-ataques com o oportunismo de Luís Fabiano.

Com essa filosofia de jogo, Rojas contava com a velocidade de Gustavo Nery para puxar os contra-ataques e com a habilidade de Souza para armar as jogadas.

Mas o River foi melhor na maior parte do primeiro tempo, criando alguns lances de muito perigo.

Aos 11min, Gallardo, o jogador mais técnico do time argentino, recebeu o passe no lado direito de seu ataque, conduziu a bola até a entrada da área do São Paulo e chutou forte, no alto, sem chance de defesa para Rogério Ceni.

Como o São Paulo não conseguia acertar a marcação, o River continuou pressionando e quase ampliou aos 21min. O volante Pereyra pegou um rebote dentro da área, livre, mas pegou mal na bola e chutou para fora.

Depois dos 30min, o São Paulo se organizou, acertou os passes e partiu para o ataque. Aos 42min, Gustavo Nery tentou cruzar da esquerda, mas a bola desviou em Ahumada e entrou no gol do River, garantindo o empate são-paulino na etapa inicial.

Mas a igualdade durou pouco tempo. Aos 2min da etapa final, Lugano derrubou López na entrada da área. Gallardo cobrou com efeito, a bola desviou na barreira são-paulina e enganou Rogério Ceni. Os argentinos chegavam ao segundo gol da partida.

A situação ficou ainda pior para o São Paulo aos 22min. Gonzalez escapou pela esquerda e cruzou rasteiro para Barrado, na pequena área, e ele marcou o terceiro gol do River.

Aos 46min, o São Paulo quase diminuiu numa cabeçada de Lugano, mas o goleiro Costanzo fez boa defesa e evitou o gol.

RIVER PLATE
Costanzo; Ahumada, Ameli, Tuzzio (Tula) e Rojas; González, Pereyra, Coudet (Barrado) e Gallardo (Dominguez); Montenegro e López.
Técnico: Manuel Pellegrini

SÃO PAULO
Rogério Ceni; Gabriel, Jean, Lugano e Fabiano; Gustavo Nery, Adriano, Carlos Alberto (Rico), Fábio Simplício e Souza (Fábio Santos); Luis Fabiano.
Técnico: Roberto Rojas

Local: estádio Monumental de Núñez, em Buenos Aires (ARG)
Juiz: Gilberto Hidalgo (PER)
Gols: Gallardo, aos 11min, e Gustavo Nery, aos 42min do primeiro tempo; Gallardo, aos 2min, e Barrado, aos 22min da etapa final da etapa final
Cartões amarelos: Jean, Coudet, Lugano, Fabiano e Ameli

Especial
  • Copa Sul-Americana
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página