Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
27/05/2004 - 23h28

Santos perde na Colômbia e está fora da Taça Libertadores

Publicidade

da Folha Online

O Santos foi derrotado pelo Once Caldas por 1 a 0, na noite desta quinta-feira, no estádio Palogrande, em Manizales, na Colômbia, e perdeu a oportunidade de disputar uma semifinal brasileira na Taça Libertadores, contra o São Paulo. No jogo de ida contra a equipe colombiana, o time da Baixada Santista havia empatado por 1 a 1, na Vila Belmiro.

Na quarta, o São Paulo se classificou para as semifinais após golear o Deportivo Táchira, na Venezuela, por 4 a 1 --havia vencido por 3 a 0 em São Paulo. Ambos bicampeões da Libertadores (o Santos em 1962/63 e o São Paulo em 1992/93), os times jamais se encontraram no torneio.

O revés desta quinta frustra mais uma vez a torcida santista. No ano passado, o clube chegou à decisão do torneio, quando foi superado pelo Boca Juniors. O time argentino faz a outra semifinal desta edição contra seu compatriota River Plate.

Com o resultado, o Once Caldas manteve a invencibilidade jogando em seu estádio na competição, em grande parte graças à altitude da cidade de Manizales (2.150 m acima do nível do mar). Para tentar minimizar os efeitos do ar rarefeito, o Santos adotou uma prática pouco usual: ficou concentrado em Bogotá, que é ainda mais alta (2.600 m).

A única outra derrota santista neste ano na Libertadores ocorreu também na altitude, quando perdeu por 4 a 2 para a Liga Deportiva Universitaria, de Quito (2.850 metros acima do nível do mar). Após a partida, o técnico Leão foi demitido.

Agora com Vanderlei Luxemburgo no comando, o time santista iniciou a partida recuado e produziu muito pouco no primeiro tempo. O técnico queria a equipe jogando nos contra-ataques, mas encontrou poucas oportunidades e não ameaçou o gol rival.

O Once Caldas, por sua vez, apesar de dominar a posse de bola, tinha dificuldades para chegar ao ataque. A única chance clara de gol veio somente aos 45min. Valentierra recebeu de Moreno, girou o corpo, deixando dois santistas para trás, e chutou por cima do gol de Júlio Sérgio.

Na segunda etapa, o time brasileiro voltou melhor. Logo aos 3min, Robinho teve boa chance. O atacante recebeu de Diego e chutou cruzado, mas o goleiro Henao fez a defesa.

Aos 7min, Elano cruzou da esquerda e Robinho, quase na linha de fundo, conseguiu alcançar e chutou na trave.

Apesar do ímpeto santista, o time da casa marcou o único gol da partida aos 26min. Valentierra cobrou falta de longa distância e acertou o ângulo direito de Júlio Sérgio.

No desespero, Luxemburgo trocou Paulo Almeida, Elano e Deivid por Lopes, Claiton e Leandro Machado aos 31min, mas as alterações não deram resultado.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página