Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
01/03/2005 - 10h59

Incêndio interdita parte do estádio do Morumbi

Publicidade

LUÍS FERRARI
TONI ASSIS
da Folha de S.Paulo

O Contru (Departamento de Controle do Uso de Imóveis paulistano) interditou ontem todas as arquibancadas e a numerada amarela superior do Morumbi.

A medida, que privou o estádio de pouco mais da metade de sua capacidade, foi tomada após vistoria no local afetado por um incêndio após o jogo domingo, entre São Paulo e Corinthians.

Apesar de não terem sido diretamente afetados pelo fogo, os setores azul, laranja e vermelho da arquibancada tiveram o uso impedido pelo órgão devido à existência de depósitos improvisados com tapume de madeira, contendo material inflamável como tintas, gasolinas e plásticos.

Segundo o Contru, estes setores serão liberados assim que a administração do Morumbi comprovar que removeu todos os depósitos irregulares do estádio.

O presidente do São Paulo, Marcelo Portugal Gouvêa, disse que o clube tomará todas as providências para agilizar a liberação do local. "Vamos acionar especialistas do clube [engenheiros] para analisar se houve danos na estrutura do estádio", afirmou.

O Morumbi volta a ser palco de um jogo em 9 de março, quando o São Paulo enfrenta a Universidad do Chile, pela Libertadores.

Segundo João Paulo de Jesus Lopes, diretor de planejamento do clube, a interdição dos setores vermelho, laranja e azul do anel superior não preocupa. "O Contru interditou essa área para que os depósitos sejam removidos, o que faremos em até três dias."

Especial
  • Leia mais notícias no especial do Campeonato Paulista-2005
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página