Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
22/01/2003 - 10h19

Morre Dona Zica, integrante da Velha Guarda da Mangueira

da Folha Online

Morreu hoje Eusébia Silva de Oliveira, a Dona Zica, 89, uma das principais integrantes da Velha Guarda da escola de samba Mangueira.

Folha Imagem
Veja mais fotos
A sambista Dona Zica, da
Velha Guarda da Mangueira;
veja galeria de sua carreira
Ela morreu após uma parada cardiorrespiratória, em casa, no morro da Mangueira, zona norte do Rio.

Segundo informações de familiares, um médico tentou reanimá-la, mas não conseguiu.

Nos últimos dois anos, Dona Zica vinha sendo internada frequentemente com problemas de saúde. Só em 2002, ela foi internada cinco vezes.

No Carnaval do ano passado, Dona Zica ficou internada durante uma semana na Clínica São Vítor, na Tijuca (zona norte do Rio de Janeiro), mas queria desfilar para comemorar o título de campeã da Mangueira. Ela foi internada no sábado de Carnaval com um edema pulmonar e não participou do desfile oficial da escola. Depois que conseguiu alta do hospital, Dona Zica foi para a avenida, mas ficou no barracão da escola por causa da chuva.

Dona Zica, que foi casada com o compositor Cartola, ajudou a fundar a Mangueira.

Seu corpo foi levado para a quadra da escola de samba, onde é velado. No morro da Mangueira, onde ela mora desde criança, há grande comoção.

  Veja fotos da carreira de Dona Zica

Leia mais
  • Saiba quem foi Dona Zica

  • Governadora do Rio decreta luto oficial por morte de Dona Zica

  • Gilberto Gil lembra com pesar sua última visita a Dona Zica

  • Dona Zica é enterrada no Cemitério do Caju, no Rio


  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página