Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
27/01/2004 - 17h45

"Da Cor do Pecado" faz melhor estréia no horário desde 1996

Publicidade

da Folha Online

A novela "Da Cor do Pecado" conseguiu o melhor Ibope de estréia no horário das sete desde 1996. A trama alcançou 42 pontos de média no ibope, com 61% de share (número de televisores ligados) na Grande São Paulo.

A trama, de autoria de João Emanuel Carneiro, com direção geral e de núcleo de Denise Saraceni, estreou ontem superando a antecessora "Kubanacan", que em seu primeiro capítulo teve 39 de média e 49 de pico, com share de 54.

Primeira novela da emissora que tem um romance inter-racial como tema principal e uma protagonista negra, "Da Cor do Pecado" conta a história de amor entre Paco (Reynaldo Gianecchini) e Preta (Taís Araújo). Ele é um jovem branco, rico, criado no Rio de Janeiro. Ela é uma jovem negra e pobre criada no Maranhão.

A trama central será em torno do triângulo amoroso formado pelos protagonistas, Paco (Reynaldo Gianecchini), Preta (Taís Araújo) e a vilã Bárbara (Giovanna Antonelli) e do segredo que envolve a história dos gêmeos Paco e Apolo, interpretados pelo ator (Reynaldo Gianecchini), que desconhecem a existência um do outro.

A trama marca a estréia dos atores Matheus Nachtergaele --que vive o personagem Helinho-- e Jonathan Haagensen ("Cidade de Deus"), que faz o papel do músico Dodô.

O autor João Emanuel Carneiro também faz sua estréia na autoria de novelas com a supervisão de texto de Sílvio de Abreu. Denise Saraceni assina a direção com Luis Henrique Rios, Maria de Médicis e Paulo Silvestrini.

Cada ponto no Ibope equivale a cerca de 80 mil telespectadores na Grande São Paulo.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página