Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
25/04/2004 - 10h40

Escritor José Giovanni morre na Suíça

Publicidade

da France Presse, em Genebra

O escritor e cineasta franco-suíço José Giovanni morreu ontem em Lausane, na Suíça, em conseqüência de uma hemorragia cerebral. A informação é da agência de notícias ATS.

José Giovanni, nascido em 23 de junho de 1932, na Córsega, estava hospitalizado desde a última quarta-feira (21).

Em março deste ano, ele ganhou o Prêmio Simone-Genevois por seu livro, "Mes Grandes Gueules". Quase toda sua obra foi levada ao cinema.

José Giovanni escreveu 20 romances, duas memórias, 33 roteiros e dirigiu 15 filmes e 5 telefilmes. São dele as obras "Classe Tous Risques", "Le Trou", "Les Aventuriers", "Les Grandes Gueules" e "Le Clan des Siciliens".

Giovanni dirigiu os filmes "Último Domicílio Conhecido", "Dois Homens Contra Uma Cidade" e "O Cigano Solitário".

O enterro acontece na próxima quarta-feira, em Valais, onde o escritor morava desde 1969.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página