Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
29/08/2008 - 10h48

Bossa Nova: Carlos Lyra começou a fazer música com piano de brinquedo

Publicidade

MIGUEL ARCANJO PRADO
da Folha Online

O cantor, compositor e violonista Carlos Eduardo Lyra Barbosa, ou apenas Carlos Lyra, nasceu em 11 de maio de 1939, no bairro de Botafogo, na zona sul do Rio. Ele foi o primeiro filho do oficial da Marinha José Domingos Barbosa e de Helena Lyra Barbosa. É irmão do também oficial da Marinha Sérgio Henrique Lyra Barbosa e da professora de teatro Maria Helena Lyra.

Divulgação
O compositor e músico Carlos Lyra participa da 6ª edição da Flip, que ocorre em em Paraty
Carlos Lyra foi um dos fundadores da bossa nova; ele deu aulas de violão para Nara Leão

Começou a fazer música com um piano de brinquedo aos sete anos de idade, passando, em seguida, para a gaita de boca. Ainda adolescente, quebrou a perna num campeonato de salto à distância. O acidente lhe obrigou a um repouso na cama durante seis meses. Para passar o tempo, foi-lhe oferecido um violão e o método Paraguaçu de aprendizado do instrumento.

Ao receber alta do médico, já dominava o violão. Estudou no Colégio Santo Inácio, foi semi-interno no Colégio São Bento e concluiu o antigo segundo grau no Colégio Mallet Soares, em Copacabana, onde conheceu o compositor Roberto Menescal, com quem montou a primeira academia de violão, uma forma que encontraram de viver de música.

Por ela passaram nomes como Marcos Valle, Edu Lobo, Nara Leão e Wanda Sá, entre outros. Participou da primeira geração da bossa nova, junto de seu parceiro Ronaldo Bôscoli, e os também parceiros Tom Jobim e Vinícius de Moraes e João Gilberto.

Deixou o país em 1964, só retornando em 1971. Casou-se com a atriz e modelo norte-americana Katherine (Kate) Lyra, na Cidade do México em 1969, com quem tem uma única filha, Kay Lyra, cantora popular de formação clássica. Atualmente, Carlos Lyra vive no Rio.

Fontes:
ALBIN, Ricardo Cravo. "Dicionário Houaiss Ilustrado [da] Música Popular Brasileira". Rio de Janeiro: Paracatu Editora, 2006.
CASTRO, Ruy. "Chega de Saudade". São Paulo: Companhia das Letras, 1990

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página