Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
04/04/2005 - 09h50

Depois de crise com projeto infantil, Xuxa volta com novo programa

Publicidade

do Agora

"Xuxa no Mundo da Imaginação" começou, em 2002, com muito alarde --pela primeira vez, a loira atuava sem a batuta de Marlene Mattos-- e 15 pontos de audiência. Terminou, em dezembro do ano passado, naufragando nos 5 pontos, após várias reformulações malsucedidas. Cheia de remendos, a atração lembrava em muito pouco sua proposta educativa para crianças mais novas.

No fim do ano passado, uma cirurgia tornou-se indispensável para evitar um final drástico: Xuxa ficou quatro meses fora do ar, e uma equipe nova, liderada por Jorge Fernando (de "Chocolate com Pimenta"), correu em busca de um novo formato, com novo nome e novo cenário. Segundo a loira, a decisão teria partido dela, que tem mais "de 20 anos de experiência com crianças": "A emissora perdia em audiência a manhã toda, mas as pessoas diziam que era só a Xuxa. Sei avaliar meu ibope. Quando faço show, todo mundo vai. Quando faço filme, batemos recordes. O problema era aqui [Globo]", disse a loira, no lançamento do programa.

O "TV Xuxa", que estréia hoje, às 10h, é uma mistura de tudo o que a rainha dos baixinhos já experimentou em seus mais de 20 anos de carreira. Musicais, desenhos e as já clássicas competições entre meninos e meninas ganharam uma pitada de "high tech" --na tentativa de acompanhar as mudanças da criançada em relação aos pequenos das décadas passadas. A leitura diária de cartas de fãs, nascida nos primórdios de Xuxa na TV, continua. Entre os toques de modernidade, notícias e até um "reality show", que vai mostrar, em pílulas, sete horas de uma convivência de Xuxa com um grupo de crianças. Do programa que terminou em dezembro, pouco foi aproveitado. Sobreviveram --e até ganharam mais destaque-- personagens vividos pela loira.

O "Mundo da Imaginação" passou por sua primeira reformulação em outubro de 2003, um ano depois de sua estréia. Naquela época, já mostrava uma queda média de pelo menos 6 pontos em relação à estréia, pairando nos 9 pontos. Foi quando começou a empatar ou a perder freqüentemente para o SBT, que tinha Jackeline Petckovic no comando do infantil "Bom Dia & Cia.". As mudanças atuais começaram com base em pesquisas encomendadas pela Globo, o que garantiu, em grande parte, a variedade do programa. Um dos pedidos das mães ouvidas pela pesquisa era que a nave em que Xuxa chegava ao extinto "Xou da Xuxa" voltasse à ativa. Solicitação aceita, com a diferença de que, agora, a nave é virtual. "Como o novo horário pega as crianças pequenas, mas também os pré-adolescentes, nosso desafio é agradar a todos. Sei que é difícil. Buscamos o equilíbrio", diz Xuxa.

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Xuxa
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página