Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
11/11/2005 - 11h22

Bailarino Fernando Bujones morre aos 50

Publicidade

da Efe

O dançarino Fernando Bujones morreu nesta quinta-feira de câncer na Flórida (EUA), informaram fontes próximas à família do artista. Ele tinha 50 anos. Bujones foi o primeiro dançarino do continente americano a ganhar uma medalha de ouro em uma competição internacional de balé.

20.fev.2005/AP
O bailarino Fernando Bujones, que morreu ao 50 anos
O bailarino Fernando Bujones, que morreu ao 50 anos
Nascido em Miami e considerado um dos maiores destaques masculinos do balé clássico no século 20 --ao lado Rudolph Nureyev e Mikhail Baryshnikov--, ele estava de licença médica há três meses. Seu último cargo foi diretor artístico do balé de Orlando.

Bujones, que dedicou 30 anos de sua vida à dança, à coreografia e à docência, atuou nos principais palcos do mundo.

O dançarino iniciou sua carreira no Eglevsky Ballet Company, em 1970, e em 1972 passou a fazer parte do American Ballet Theater de Nova York, onde chegou a ser destaque. Ele atuou como primeiro dançarino convidado em cerca de 34 países e com mais de 60 companhias.

Seu trajetória pelos palcos lhe rendeu os principais prêmios no mundo da dança, como o "The New York Times Award", o "Boston's Elliot Norton Award" e o "Dance Magazine Award", entre outros.

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Fernando Bujones
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página