Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
23/11/2005 - 18h32

Vaticano veta Daniela Mercury em show

Publicidade

da Folha Online

O Vaticano cancelou a participação da cantora Daniela Mercury em um concerto de Natal, marcado para 3 de dezembro, com a presença do papa Bento 16. Segundo o Vaticano, a decisão foi tomada por conta da participação de Daniela em uma campanha anti-Aids, no Carnaval passado, em que ela defendeu o uso de preservativos.

Por meio de nota oficial divulgada nesta quarta-feira, Daniela lamentou o ocorrido --o convite havia sido feito há cerca de cinco meses. A cantora afirmou estar "decepcionada" por não representar o Brasil no evento, que terá artistas do mundo todo.

Na nota, a cantora, embaixadora do Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e do Unaids (programa da ONU para HIV/Aids), se declara católica e diz acreditar que o uso de preservativos "é um instrumento de proteção à vida".

Ela defende seu direito "de discordar da posição da Igreja no que diz respeito à utilização da camisinha como forma de prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, como a Aids". A Igreja Católica é contrária a métodos contraceptivos em geral.

Com agências internacionais

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Daniela Mercury
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página