Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
18/05/2006 - 18h59

Diretor de "Cidadão Brasileiro" deixa a novela

Publicidade

JAMES CIMINO
da Folha Online

Flávio Colatrello, diretor da novela "Cidadão Brasileiro", da Record, pediu para ser afastado da produção para entrar em período de férias. Em seu lugar, ficam os diretores Ivan Zettel e Fábio Junqueira.

De acordo com a assessoria de imprensa da emissora, Colatrello esteve em reunião com Hiran Silveira, diretor de teledramaturgia da emissora, na terça-feira e pediu para se afastar durante 30 ou 40 dias, pois já estava em sua segunda novela consecutiva na Record (Colatrello dirigiu "Essas Mulheres"). Na verdade, "Cidadão" é o terceiro trabalho consecutivo do diretor, que também co-dirigiu, junto com Herval Rossano, "A Escrava Isaura".

A Folha Online apurou que o teor da conversa se referia à falta de afinidade entre Colatrello e o autor da trama, Lauro César Muniz. Comenta-se que, além de não gostar da iluminação utilizada nas cenas, Muniz considerava que havia uma disparidade entre o que escrevia e o que ia para o ar.

A novela atinge média de 13 pontos no Ibope (cada ponto equivale a 160 mil espectadores na grande São Paulo), o que significa que há um público fiel à trama, mas há rumores de que existe uma expectativa, por parte da direção da emissora, de que esse índice aumente.

Colatrello estaria sendo cobrado nesse sentido, uma vez que o autor já havia feito alterações de ritmo na narrativa. Como os problemas de afinidade não foram solucionados, o diretor resolveu pedir férias e se disponibilizou para uma próxima produção.

Leia mais
  • "Cidadão Brasileiro" retrata história do PT no poder, diz Muniz
  • Novela ajuda brasileiro a entender política
  • Atriz sai de "JK" para "Cidadão Brasileiro"

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre "Cidadão Brasileiro"
  • Leia a cobertura completa sobre novelas
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página