Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
17/06/2006 - 10h28

Bussunda morre aos 43 na Alemanha, vítima de ataque cardíaco

Publicidade

da Folha Online

O humorista Cláudio Besserman Vianna, o Bussunda, 43, do programa "Casseta & Planeta Urgente!", morreu hoje, na cidade de Parsdorf (16 km de Munique), na Alemanha, vítima de um ataque cardíaco. Bussunda estava no país desde o início da Copa acompanhando a seleção brasileira junto de parte da equipe do programa humorístico.

Ele sofreu um ataque cardíaco na manhã de hoje e, apesar de socorrido por paramédicos, morreu no hotel Erb Best Western, onde estava hospedado. O humorista começou a passar mal ontem à noite, depois de uma partida de futebol com companheiros da equipe e hóspedes do hotel.

Ao acordar, hoje de manhã, Bussunda ainda se sentia mal e foi atendido por paramédicos que se encontravam no hotel. Durante o atendimento, o humorista sofreu um ataque cardíaco e morreu às 8h30 (hora da Alemanha e 3h30 da madrugada em Brasília).

Bussunda sofria de asma há anos e sentiu falta de ar durante jogo de futebol ontem com os colegas. O humorista voltou então para o hotel para descansar e disse apenas estar cansado.

Blog da Soninha
Bussunda (à dir.) ao lado de Claudio Manoel e Juca Kfuori, na quinta-feira (15) em Frankfurt
Bussunda (à dir.) ao lado de Claudio Manoel e Juca Kfouri, na quinta-feira (15) em Frankfurt
Hoje pela manhã, Bussunda voltou a sentir falta de ar durante o café, mas teria se recusado a ir para um hospital. Dois paramédicos no hotel iniciaram o atendimento quando o humorista teve um ataque cardíaco fulminante.

Outros três componentes do "Casseta & Planeta", Helio de la Peña, Beto Silva e Claudio Manoel, embarcam ainda neste sábado para o Brasil. Todos os programas que o grupo faria na Alemanha foram cancelados. O futuro do grupo sem Bussunda é uma incógnita.

Com apoio da Globo, que divulgou nota oficial lamentando a morte, as autoridades alemãs estão providenciado os trâmites burocráticos para que o corpo de Bussunda seja trazido para o Brasil ainda neste sábado. Segundo o atestado de óbito, o humorista morreu às 8h30 (horário da Alemanha) de morte natural.

Começo como redator

Bussunda começou a carreira de redator no início dos anos 80, e foi contratado pela Globo em 1988, como redator do "TV Pirata", humorístico de grande sucesso e que se tornou uma "escola" dentro da própria emissora, e que inspira programas "genéricos" em outras emissoras até hoje.

Em 1992 estreou no "Casseta", mas continuou atuando como colaborador em jornais e revistas. Era um dos colaboradores de texto do colunista fictício Agamenon Mendes Pedreira, que escreve aos domingos no jornal "O Globo".

Casado desde 1989 com Angélica Nascimento e pai de uma filha, Júlia, o humorista completaria 44 anos no próximo dia 25 de junho.

Desde 1992, Bussunda passou a protagonizar o programa Casseta & Planeta. Entre seus principais personagens estavam as paródias ao atacante Ronaldo, do Real Madrid, e o presidente Lula.

Leia mais
  • Morte de Bussunda é um "tsunami", diz "Casseta"
  • Bussunda começou carreira no jornal 'A Casseta Popular'
  • Análise: Sem Bussunda, "Casseta" revive drama de "Os Trapalhões"
  • Para Lula, Bussunda era "símbolo da irreverência brasileira"

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Bussunda
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página