Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
28/07/2006 - 01h38

Final de "Ídolos" marca 16 pontos no Ibope; SBT promete 2ª edição

Publicidade

DIÓGENES MUNIZ
da Folha Online

A final do reality show "Ídolos", nesta quinta-feira, colocou o SBT na segunda colocação do Ibope. Segundo o canal divulgou após o programa, a atração teve média de 16 pontos de audiência, com pico de 19, o que manteve o programa à frente da Globo durante 25 minutos.

Os dados prévios divulgados pela emissora mostram que "Ídolos" ficou até quatro pontos à frente da Globo. Após o programa sair do ar, a produção do reality show invadiu o palco aos gritos de "primeiro, primeiro".

Divulgação
Leandro Lopes, 22, venceu nesta quinta-feira a final de "Ídolos" e ganhou contrato com a Sony
Leandro Lopes, 22, venceu nesta quinta-feira a final de "Ídolos" e ganhou contrato com a Sony
A produção do reality show revelou que haverá uma segunda edição, ainda sem data marcada, me provavelmente com os mesmos jurados.

Na final desta quinta, Leandro Lopes, 22, venceu Lucas Poletto, 20, no voto popular. "Eu não me achava favorito. Em nenhum momento joguei no programa", declarou Leandro após o resultado.

Já seu pai não compartilhou da mesma opinião. "A gente já tinha praticamente certeza de que ele ia ganhar", disse Alexandre Mattos. O pai de Leandro revelou ainda que chegou a panfletar pedindo votos para seu filho.

Como prêmio, Leandro assinou contrato com a gravadora Sony/BMG e fará uma turnê pelo país. O disco deve ser lançado até setembro. A principal canção de trabalho do cantor já foi divulgada e apresentada ontem mesmo durante o programa.

"Eu me inspiro em Fabio Junior e Lulu Santos", afirmou o garoto, adiantando o que vem pela frente.

Leia mais
  • Leandro Lopes vence reality show "Ídolos"; veja quem participou
  • "Sofri preconceito por conta da beleza", diz Lucas, de "Ídolos"

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre o programa "Ídolos"
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página