Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
02/08/2006 - 19h12

Rabino convida Mel Gibson a falar no Yom Kipur

Publicidade

da France Presse, em Los Angeles

Um conhecido rabino americano propôs nesta quarta-feira ao ator e diretor Mel Gibson falar em sua sinagoga de Beverly Hills no Yom Kipur, dia sagrado do perdão para os judeus --neste ano celebrado em 1º de outubro.

"Desejo que venha expressar seus arrependimentos com a comunidade judaica", escreveu em uma carta ao ator o rabino David Baron. Gibson passa pelo pior escândalo da vida profissional: foi detido por dirigir embriagado e fez declarações anti-semitas dirigidas a um dos policiais.

O rabino Baron é conhecido por seu trabalho no "Templo das Estrelas", uma sinagoga de Beverly Hills, perto de Los Angeles, freqüentada por célebres artistas de Hollywood.

Após o incidente em que se viu envolvido, na sexta-feira, no balneário de Malibu, Gibson anunciou na segunda-feira que fará um tratamento de desintoxicação publicando um pedido de desculpas considerado ineficiente para fazer baixar o tom da polêmica entre os judeus.

Na terça-feira, o ator foi mais preciso em um novo pedido de desculpas e voltou a assumir seus problemas com o álcool, admitindo ter errado nas declarações dirigidas à comunidade judaica.

"Não existe nenhuma desculpa, nem deve existir qualquer tipo de tolerância para alguém que pensa ou expressa qualquer tipo de afirmação anti-semita. Quero pedir perdão a todos na comunidade judaica pelas palavras ácidas e prejudiciais que eu disse a um oficial da polícia", admitiu mais cedo o ator em comunicado enviado pelo porta-voz.

O rabino Baron disse que o Yom Kipur, o "grande perdão", "é um momento de reflexão, de perdão e reparação".

A cada ano uma personalidade toma a palavra neste dia na sinagoga de Baron. A última a fazê-lo foi a ex-primeira-dama americana e atual senadora pelo estado de Nova York, Hillary Clinton.

Leia mais
  • ABC cancela minissérie de Gibson sobre holocausto
  • Após flagrante, Mel Gibson inicia programa de reabilitação
  • Mel Gibson vira alvo de críticas por dirigir bêbado nos EUA
  • Mel Gibson pede desculpas por dirigir bêbado

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Mel Gibson
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página