Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
22/05/2007 - 08h12

Estrelas de "Vai Tomar no C." e "Tapa na Pantera" disputam bilheteria nos palcos de SP

Publicidade

DIÓGENES MUNIZ
Editor-assistente de Ilustrada Folha Online

Dois dos maiores hits da internet vão subir a palcos paulistanos. Maria Alice Vergueiro, 72, e Cristina Nicolotti, 49, estarão a partir de junho em apresentações no centro de São Paulo. Elas são protagonistas do velho sucesso "Tapa na Pantera" e do novo hit "Vai Tomar no C.", respectivamente.

Reprodução
Atriz e humorista Cris Nicolotti no vídeo "Vai Tomar no C.", que virou febre na internet
Atriz e humorista Cris Nicolotti no vídeo "Vai Tomar no C.", que virou febre na internet
Cris, como é chamada, acaba de estourar. Seu clipe é uma única tomada de si mesma cantando um hino "gospel" de um verso só. Ela é acompanhada por um coral e até por um dublê de Bob Dylan.

O vídeo está na rede há cerca de duas semanas, mas já acumulava mais de 700 mil de acessos até a publicação desta reportagem. Isso sem contar as paródias, remixes e homenagens.

"A repercussão mostra que tá todo mundo de saco cheio", diz. Seu filho, Luca Nicolotti, 15, adora a música. "O problema é com os pais dos amigos dele." O marido e autor da faixa, Caca Bloise, 57, compôs a melodia para um vizinho. "Acho que ele ainda não sabe que fizemos para ele", especula Cris.

Cris Nicolotti explica como nasceu a canção "Vai Tomar no C."

No dia 26 de junho ela estréia "Se Piorar Estraga", no teatro Frei Caneca. A canção que virou febre é um "spoiler" deste espetáculo, que se encerra ao som do hino da "culosofia".

Arquivo Pessoal
Cris Nicolotti já trabalhou no SBT, Band e TV Shop Tour
Cris Nicolotti já trabalhou no SBT, Band e TV Shop Tour
Cris não é uma desconhecida, repare. Nos anos 80 a humorista atuou na Band e no SBT; na década de 90, fez televendas na TV Shop Tour. "Comecei fazendo teatro infantil com 17 anos, na sessão de brinquedos do Mappin. Um currículo brilhante, não?"

Para este papel, a atriz, que é católica, diz ter se inspirado na bispa Sônia. O humorístico narra a história de Roberléia, a vendedora que segue o "cusistencialismo", uma "corrente filosófica de libertação". "Não tem a menor lógica, é humor nonsense e pronto."

Já Maria Alice, a avó maconheira que divertiu milhares ao divagar sobre os efeitos da erva, estará a partir de 14 de junho na peça "Matamoros (da Fantasia)", com texto de Hilda Hilst, no CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil). O roteiro é baseado num conto homônimo da escritora, publicado no livro "Tu Não Te Moves de Ti" (1980).

O texto relata os passos de Maria Matamoros, uma jovem que, por conta do comportamento sexualmente precoce, envolve-se até com o padre que tenta exorcizá-la. A atriz Sabrina Greve ("Olga", "Carandiru" e "Nina") também está no elenco. A apresentação conta com projeções em vídeo de Rafael Gomes, co-diretor do "Tapa na Pantera".
Daia Oliver/Divulgação
Maria Alice Vergueiro (esquerda) sob <br>o olhar da transformista Michael Love
Maria Alice Vergueiro (esquerda) sob
o olhar da transformista Michael Love


Maria Alice é figura carimbada no circuito artístico de São Paulo. Tem mais de 50 anos de teatro e atuou em peças históricas, como o "Rei da Vela" e "Galileu Galilei".

Enquanto Cris Nicolotti espera que o sucesso virtual reflita em bilheteria, Maria Alice é modesta. "Acho que essa curiosidade pela minha pessoa não vai fazer tanta gente se locomover até o teatro", diz, para depois engatar: "pergunta para a Cicarelli se muita gente foi até aquela praia na Espanha."

Correndo por fora

Além dos campeões de acesso, outros queridinhos do YouTube estão se dando bem nos palcos --ou vice-versa. Caso do "Terça Insana", que após construir um nome na cena alternativa paulistana viajou pelo país e agora está negociando uma série com um canal da TV aberta. Há ainda o jovem e promissor coletivo "Óbvios", que se apresenta em Moema desde o ano passado.

Divulgação
Grupo de humor "Óbvios" se apresenta em Moema (zona sul de São Paulo) todas terças
Grupo de humor "Óbvios" se apresenta em Moema (zona sul de São Paulo) todas terças
No final de 2006, a ideóloga do "Terça", Grace Gianoukas, disse à Folha Online que não vê problemas no consumo via web --aos milhares e gratuito-- de esquetes de seu DVD.

Inspirados no "Terça", os integrantes do "Óbvios" se apresentam em um ambiente descontraído: um bar na zona sul de SP. Após cair nas graças dos internautas, foram parar no "Pânico" (RedeTV!). "A nossa bilheteria cresceu 100%", diz o diretor e ator, Raphael Véles.

Os dois principais personagens do conjunto são Paulinho e Tônia Abrão, ambos de Véles. A receptividade a este último personagem foi tamanha que o humorista gravou algumas cenas no cenário original de Sônia. "Ela achou hilário", diz Véles.

Arquivo Pessoal
Tônia Abrão (Raphael Véles) e a apresentadora Sônia Abrão na RedeTV!
Tônia Abrão (Raphael Véles) e a apresentadora Sônia Abrão na RedeTV!
No próximo mês, o o grupo apresenta o show "Humor Eterno Amor", em referência àquele vídeo proibido da apresentadora infantil Xuxa, "Amor Estranho Amor", que também está no YouTube, claro. Pelo visto, o personagem Paulinho, de 5 anos, viverá momentos calientes com "Xu" --maneira como os atores vão chamar a rainha dos baixinhos para evitar problemas judiciais.

"Meu jeito de consumir humor mudou muito com a internet. As pessoas precisam estar mais atentas para saber o que tá saindo por aí", comenta Véles, que também tenta acompanhar quais são as últimas tiradas de sucesso na web.

Para quem, assim como ele, quer saber de onde virá o próximo arrasa-quarteirão virtual, um bom palpite é a coxia.

Leia mais
  • "Fala Sonia" inspira produções musicais e ganha blog
  • "Terça Insana" prepara piloto para televisão e 2º DVD em 2007
  • Ângela Dip encena de prostituta a fotógrafa em São Paulo
  • Jô Comentário: Busca pelo riso segura drama de "O Continente Negro"
  • Jô Soares compara Adriane Galisteu a Bibi Ferreira em peça

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre o YouTube
  • Leia o que já foi publicado sobre teatro em SP
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página