Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
09/10/2006 - 17h09

Brasil condena teste nuclear da Coréia do Norte

Publicidade

da Folha Online

O Ministério das Relações Exteriores do Brasil emitiu comunicado à imprensa nesta segunda-feira condenando de forma veemente o teste nuclear levado a cabo pela Coréia do Norte.

O anúncio da bem-sucedida explosão de uma bomba nesta segunda-feira acirrou ainda mais as tensões em torno da questão nuclear norte-coreana. Vários países condenaram a ação, assim como a ONU (Organização das Nações Unidas), e os Estados Unidos querem impor sanções imediatas ao país, como forma de punição ao teste.

Leia íntegra do comunicado do Itamaraty:

"O governo brasileiro condena veementemente o teste nuclear que a República Democrática e Popular da Coréia (RDPC) anunciou haver realizado. A decisão contrapõe-se à Declaração Presidencial sobre o assunto emitida pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas em 6 de outubro corrente.

O governo brasileiro exorta a RDPC a reintegrar-se, sem condições e como país não nuclearmente armado, ao Tratado de Não-Proliferação de Armas Nucleares (TNP). Conclama, igualmente, a Coréia do Norte a aderir, no mais breve prazo, ao Tratado de Proibição Completa de Testes Nucleares (CTBT) e a observar estritamente a moratória de testes nucleares enquanto o CTBT não entrar em vigor. Exorta, ainda, a RDPC a retornar com espírito construtivo às negociações hexapartites, visando à solução da questão nuclear na península coreana e a entendimentos que levem em conta, de forma equilibrada, as preocupações de segurança internacionais e dos países da região.

Ao somar-se mais uma vez aos esforços da comunidade internacional em favor da não-proliferação das armas nucleares, o Brasil reitera também sua visão de que passos significativos e urgentes devem ser dados no sentido da eliminação de todos os arsenais atômicos.

Leia mais
  • Em reunião, ONU condena teste nuclear norte-coreano
  • Mais de 2.000 testes nucleares foram feitos desde 1945
  • Teste ameaça paz e segurança mundiais, diz Bush
  • Entenda o caso dos testes nucleares da Coréia do Norte

    Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre o programa nuclear da Coréia do Norte
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página