Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
22/10/2001 - 01h49

Cinco suspeitas de antraz estão sob investigação em Washington

Publicidade

da France Presse, em Washington

Funcionários de saúde em Washington investigavam ontem até cinco prováveis casos de contaminação por antraz na capital dos Estados Unidos, depois que um carteiro ficou gravemente doente.

Um dos casos investigados foi de um carteiro ligado a um centro de distribuição dos correios, onde trabalha um funcionário infectado pela variante pulmonar do antraz, informou a CNN.

A CNN disse ainda que 13 dos 23 testes no outro centro de processamento de correios em Hamilton, Nova Jersey, onde dois carteiros contraíram antraz cutâneo, deram positivo.

Os testes do depósito de Nova Jersey - de onde foram enviadas as cartas contaminadas ao líder da maioria democrata do Senado, Tom Daschle, em Washington, e ao apresentador do canal NBC, Tom Brokaw, em Nova York - continuam.

Até o momento, nove pessoas foram diagnosticadas com antraz nos EUA. Três delas tiveram a pior contaminação, a variedade pulmonar.


Leia mais sobre o antraz:

  • Como é a contaminação

  • Entenda a diferença entre contaminação e exposição

  • O que é o antraz

  • Doença é conhecida desde a era bíblica


  • Leia mais:
  • Conheça as armas usadas no ataque

  • Saiba tudo sobre os ataques ao Afeganistão

  • Entenda o que é o Taleban

  • Saiba mais sobre o Paquistão

  • Veja os reflexos da guerra na economia
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página