Home > Em cima da hora > Outros Esportes

Rainha da ginástica russa comove público ao cair das barras

19/09/2000 - 22h57

das agências internaiconais

A rainha das barras chorou ao cair e ver a vitória lhe escapando. Svetlana Khorkina, uma das mais elegantes atletas da ginástica olímpica em todos os tempos, desabou no chão ao fazer um movimento, inventado por ela mesma, nas barras assimétricas.

O movimento tinha inclusive o nome da alta e esbelta russa que reina como campeã olímpica, européia e mundial nos aparelhos.

A chance de uma medalha de ouro para a equipe feminina da Rússia desapareceu num só instante. Era de partir o coração vê-la ajoelhada com a tristeza da derrota estampada no rosto.

É uma mulher que com sua presença longilínea e sua beleza de parar o coração, brilhou sobre as diminutas adolescentes com as quais ela concorria no Superdome.

A arena se acendeu no final quando, lutando desesperadamente para empurrar sua equipe adiante, Khorkina marcou a mais alta pontuação da noite nos exercícios de solo.

Seu sorriso era radiante. Mas era tarde demais. A Rússia ficou com a prata, atrás da Romênia.

A história se repetiu. Culparam Khorkina pelo fracasso da Rússia na disputa pela medalha de ouro do último campeonato mundial quando ela caiu da trave.

Quando sua companheira de equipe Ekaterina Lobazniouk caiu da trave na manhã de terça-feira (horário de Brasília), seu rosto se contraiu e as câmeras de TV a focalizaram sem piedade. Khorkina lançou-se rapidamente na frente das lentes para bloquear a visão.

Ela insiste: "Não me sinto a capitã, apenas tenho mais experiência. Sou mais velha que a maioria das meninas e eu tento ajudar quantas vezes elas precisarem".

Khorkina, que posou para a revista Playboy, deve começar em breve uma carreira de modelo e atriz.

Leia mais sobre Sydney-2000 na Folha Online



Grupos de
discussão
Enviar
por e-mail
16/10/2000
17h14 Veja a cronologia das medalhas conquistadas pelo Brasil

17h13 Confira como os brasileiros favoritos ao ouro foram derrotados

17h12 Confira os fracassos e frustrações do Brasil em Sydney

05/10/2000
19h10 Búlgaros irão processar empresa farmacêutica por provocar doping

18h56 Sucessor na presidência do COI ainda é uma incognita

18h31 Veja cronologia de Samaranch à frente do COI

18h18 Sydney-2000 põe fim à era Saramaranch

17h00 Samaranch pede mudança na legislação da UE para esportes

16h58 Presidente do COI diz que 11 entre 3.600 antidopings deram positivo

04/10/2000
18h20 Camarões arranca empate contra a França em amistoso

Copyright Folha Online. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha Online.