Três crianças contam o que estão fazendo em casa durante quarentena

Amarelinha de fita crepe e livros para colorir e desenhar são algumas das atividades

Em meio às mudanças provocadas pela pandemia do coronavírus, que levou à suspensão das aulas, a Folhinha ​está colhendo depoimentos de crianças para saber como elas estão passando o tempo em casa.

Quer participar? Mande seu depoimento para leitor@grupofolha.com.br com Folhinha no assunto do e-mail. Fale o que está fazendo nesta quarentena, indique as brincadeiras de que mais gosta e conte do que sente mais saudade.

Academia no quintal

Heloísa Dias Udinal, 7 anos

Durante a quarentena tenho comido muito. Como estou mais tempo em casa minha avó faz várias opções.

Ainda não estou com saudade da escola e nem dos meus amigos. Por enquanto minha escola não criou um plano de estudos para casa.

Heloísa está de vestido branco com flores rosas e segura a barra da saia do vestido com as mãos
Heloísa Dias Udinal, 7, fez uma academia no quintal com exercícios para a avó - Arquivo pessoal

Estou muito preocupada com a situação. Tenho medo de morrer ou dos meus familiares morrerem.

No meu tempo livre estou assistindo vários jornais, filmes e desenhos. Também fiz uma academia no quintal com alguns exercícios e atividades. Minha avó está no grupo de risco então tem muitos exercícios pra ela ficar distraída e não sair para comprar coisas.

É tipo umas férias, mas não é!

Amarelinha de fita crepe

Pedro de Souza Pliger, 5 anos

Eu estou estou achando legal a quarentena. Estou com saudade da escola, dos meus amigos.

Hoje (23) brinquei de beyblade com o João na câmera do computador. Desenhei uma amarelinha no corredor de casa. Quando meu pai vai pro quarto ele pula. A gente joga bola no pátio e sempre lava as mãos.

Pedro Pliger, 5 anos, está sentado no meio do corredor de sua casa. Ele está desenhando com fita crepe uma amarelinha para brincar em casa
Pedro de Souza Pliger, 5, fez um jogo de amarelinha no corredor para a família toda se divertir - Arquivo Pessoal

Brinco de lego, espada, esconde-esconde e jogo da memória.

Todo dia faço um desenho que a minha professora pede. A mamãe colocou esses desenhos na parede da sala. Já desenhei ela, o papai e nossa gata. Também desenhei a nossa casa, um vulcão e um foguete.

Agora eu posso assistir mais desenhos, um longo e dois curtos. Eu amo desenho. Eu queria entender porque tudo mudou. Era diferente antes! Quem inventou o coronavírus? Foi o Bolsonaro?

Histórias de lobo mau

Maria Flor Malta Moreira, 2 anos


Estou com saudade dos amigos da escola. Queria ir na escola

Fico brincando com meus brinquedos, com a boneca. Pintando na minha revista. Minha mamãe conta histórias de lobo mau, eu gosto.

Queria ir na casa da Helô e queria ir no shopping.

Maria Flor Malta Moreira, 2 anos e 5 meses, conta como está a experiência de quarentena
Maria Flor Malta Moreira, 2, gosta de brincar de boneca e de colorir - Arquivo Pessoal
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.