São Paulo, quarta-feira, 03 de novembro de 2004

Texto Anterior | Próximo Texto | Índice

SANTOS

PT aguarda decisão sobre pedidos de cassação do vencedor

Telma afirma que investiga taxa de abstenção "acima do normal"

MARIANA CAMPOS
DA AGÊNCIA FOLHA, EM SANTOS

A candidata derrotada do PT à Prefeitura de Santos (SP), Telma de Souza, disse ontem ainda contar com a possibilidade de alterar o resultado. O partido aguarda decisão da Justiça Eleitoral sobre três pedidos de cassação da candidatura do adversário, o peemedebista João Paulo Tavares Papa (PMDB), que venceu a eleição.
Os pedidos foram feitos antes do segundo turno, mas ainda não foram julgados. Dois deles ainda aguardam decisão em primeira instância. Já o terceiro espera julgamento no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de São Paulo.
Além disso, de acordo com a petista, seus advogados estão "investigando" supostos índices de abstenção "maiores do que o normal" em alguns colégios eleitorais da cidade que concentram a população de renda mais baixa e conhecida por votar, em sua maioria, no PT. Na 118 Zona Eleitoral, que concentra a população mais pobre da cidade (zona noroeste, morros e centro), houve 5.241 abstenções no primeiro turno da eleição e 6.406 no segundo.
"Se tivermos provas cabais [de alguma irregularidade], com certeza, entraremos com procedimento jurídico", afirmou Telma.
O prefeito eleito de Santos disse que não considera possível que uma decisão da Justiça Eleitoral possa comprometer o resultado da eleição: "Não vejo a possibilidade de isso acontecer", afirmou.
De acordo com o advogado que representa o peemedebista, Tabajara Zunira, as defesas já foram apresentadas. "Esses processos foram iniciados na semana final da eleição, na verdade, para criar um fato político", disse. "Da nossa parte, temos a maior confiança na Justiça Eleitoral, da forma como foi conduzida [a apuração] e da lisura do processo". Papa venceu a eleição em Santos com 1.771 votos de vantagem sobre Telma.


Texto Anterior: Fortaleza: Petista quer resgate do PT pelo "bem" de Lula
Próximo Texto: Vitória: Eleito afirma que PT não pode repetir erros
Índice



Copyright Empresa Folha da Manhã S/A. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress.