São Paulo, quarta-feira, 01 de setembro de 2010

Texto Anterior | Próximo Texto | Índice

Tão grande quanto Palmeiras e São Paulo juntos

Corintianos são soma de são-paulinos e palmeirenses na capital paulista

DE SÃO PAULO

Em seu berço, o Corinthians manda na preferência dos torcedores.
Segundo a pesquisa do Datafolha, 38% dos paulistanos se dizem corintianos. O São Paulo é o time de coração de 24% dos moradores da cidade, e o Palmeiras, de 15%.
Ou seja, os seguidores do time do Parque São Jorge têm o mesmo número fãs que seus dois maiores rivais na cidade (a margem de erro é de três pontos percentuais). Os santistas são 5% dos paulistanos. O Flamengo tem 2% das preferências na cidade.
E a ideia de que nas gerações mais novas o contingente de são-paulinos se aproxima do de corintianos é falsa.
No grupo de pessoas entre 16 e 24 anos, o Corinthians tem 44% das preferências, contra 29% dos são-paulinos (a diferença de 15 pontos é maior do que a média geral).
O São Paulo, no entanto, chega perto do agora centenário clube da zona leste nos extratos mais escolarizados e ricos da população paulistana. Entre os entrevistados com curso superior, a vantagem corintiana é de apenas três pontos percentuais (32% contra 29%) e de só um ponto no grupo que ganha mais de dez salários mínimos (31% contra 30%).
O Datafolha também estratificou o torcedor corintiano. Mais de um terço deles (35%) mora na zona leste. O partido político de maior preferência dos seguidores do time é o PT, com 39%.
Só 18% afirmaram ter curso superior, o menor índice entre os grandes paulistas -27% dos são-paulinos, por exemplo, estão na faculdade ou já são formados.
O Corinthians é o clube em que a torcida feminina tem maior participação. Dos seguidores do clube, 53% são do sexo feminino, e 47%, do masculino. Entre os santistas, esses índices são, respectivamente, de 30% e 70%.


Texto Anterior: Antonio Roque Citadini: Uma paixão sem controle
Próximo Texto: Camisa oficial e sede por TV
Índice



Copyright Empresa Folha da Manhã S/A. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress.