São Paulo, domingo, 18 de junho de 2006

Texto Anterior | Próximo Texto | Índice

HOLANDA

Conflito de patrocínios deixa torcedores de cueca na Copa

DA REPORTAGEM LOCAL
Torcedores holandeses foram obrigados a assistir à partida entre seu país e a Costa de Marfim vestidos apenas de cueca, anteontem.
Por determinação de funcionários da Fifa, eles tiveram que tirar as calças de couro que vestiam por conterem patrocínio de uma cervejaria concorrente da que patrocina o Mundial.
As calças foram distribuídas pela cervejaria holandesa Bavaria e foram consideradas pela Fifa "uma tentativa de conduzir uma armadilha publicitária em massa".
"É claro que a Fifa não pode dizer o que um torcedor tem que vestir numa partida, mas, se milhares de pessoas aparecem vestindo a mesma roupa para promover um produto, para aparecer na TV, então é claro que vamos impedi-los", afirmou Markus Siegler, diretor de comunicações da entidade.
Peer Swinkels, da cervejaria responsável pela distribuição das calças, criticou a decisão. "É absolutamente ridículo. Entendo que a Fifa tem seus patrocinadores, mas não se pode obrigar as pessoas a se despir e fazê-las assistir ao jogo só de cueca."


Texto Anterior: Vício: Antes da 1 partida, Barthez fumou
Próximo Texto: Espanha: Simon pega mais uma seleção "melindrada"
Índice



Copyright Empresa Folha da Manhã S/A. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress.