Com Omara Portuondo e João Donato, shows celebram música cubana e brasileira

Conexão Brasil-Cuba reúne cerca de 30 músicos destes países entre sexta (20) e domingo (22), em São Paulo

Amanda Nogueira
São Paulo

Três shows, entre essa sexta (20) e domingo (22), celebram a música brasileira e a cubana, ancorando-se em suas semelhanças.

O projeto Conexão Brasil-Cuba, atração da programação comemorativa dos 20 anos do Teatro Alfa, onde acontece, reúne cerca de 30 músicos destes países.

"Existe entre Cuba e Brasil uma forma muito semelhante de se fazer música, que tem a mesma origem africana, um ritmo forte, assim como a improvisação”, diz a curadora Myriam Taubkin, que assina a direção musical ao lado do baixista Swami Jr.

A cubana Omara Portuondo
A cubana Omara Portuondo - Carlos Pericás/Divulgação

A cubana Camerata Romeu, grupo de câmara formado por mulheres, compõe a maioria no palco, que também recebe, entre outros, a cantora Fabiana Cozza e o acordeonista Toninho Ferragutti, ambos brasileiros.

Já na abertura, as cubanas mostram sua identidade com “Guaguancó”, e, em seguida, executam “Veredas”, obra de Egberto Gismonti, que fez arranjos personalizados para a camerata.

Somente com instrumentos acústicos, o espetáculo terá ainda uma dobradinha de “Guantanamera” e “Sonho Meu” —esta, um clássico da sambista Dona Ivone Lara, morta na segunda (16).

Os shows destacam dois ícones desses países: o músico brasileiro João Donato e a cantora cubana Omara Portuondo, que também se apresentam nas datas.

Conexão Brasil-Cuba
Teatro Alfa - R. Bento Branco de Andrade Filho, 722, Jardim Dom Bosco, região sul, tel. 5693-4000. Sex. (20): 21h30. Sáb. (21): 20h. Dom. (22): 18h. 100 min. Livre. Ingresso: R$ 75 a R$ 180 p/ ingressorapido.com.br
 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.