Filme brasileiro 'Tito e os Pássaros' é pré-indicado para o Oscar de animação

Longa conta a história de criança que precisa combater epidemia de medo

São Paulo

O longa brasileiro "Tito e os Pássaros", dos diretores Gustavo Steinberg, Gabriel Bitar e André Catoto, é um dos 25 inscritos na disputa pelo Oscar de animação. A lista de pré-indicados foi liberada pela Academia de Hollywood nesta quarta-feira (24).

"Tito e os Pássaros" conta a história de um menino que,  junto com seu pai, precisa encontrar a cura para uma doença que é contraída após a pessoa tomar um susto. O filme estreou no Festival de Annecy, na França, em junho, mas ainda não tem data para entrar no circuito comercial.

A última vez que o Brasil foi indicado para o Oscar de animação foi em 2016, com o longa "O Menino e o Mundo", de Alê Abreu. A lista com os cinco finalistas da categoria sairá em 22 de janeiro de 2019, e a premiação ocorre dia 24 de fevereiro, em Los Angeles. ​

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.