Descrição de chapéu Opinião

Crítico de comida da Folha narra bastidores de novo reality

Papel de embaixador informal foi essencial na decisão de participar de programa da Netflix

Josimar Melo

“Palco 27”, disse o porteiro para o motorista que me levava para a gravação do episódio do Brasil da série “The Final Table”, da Netflix. Nunca tinha visto (só em filmes) a grandiosidade dos estúdios hollywoodianos. Foi há um ano —depois de meses falando com a produção sobre o programa.

Hesitei em participar. Expliquei que essas guerras entre cozinheiros não me agradam. Mas insistiram em que este seria diferente, inovador (no final, nem tanto); e que era preciso, num programa para 190 países com potenciais 120 milhões de espectadores, alguém para explicar ao mundo a cozinha brasileira.

Foi este papel de embaixador informal que me convenceu. Também não resultou bem como eu esperava —ajudei muito, creio, a mostrar algo real do Brasil, mas meu depoimento sobre a história da feijoada ficou de fora e, no lugar, entrou uma explicação fantasiosa e caricata.

(Pelo menos ficou no ar minha ode à gordura, para uma reação, quase um meme, da minha esbelta colega de bancada Alessandra Ambrosio.)

Mas não foi ruim a experiência. Nos estúdios da Sony vizinhos a Los Angeles, o número 27 era um gigante caixote de um quarteirão com altura de seis andares, onde daria para filmar um ataque de King Kong ao Empire State, um naufrágio do Titanic —ou, agora, uma guerra mundial (de cozinheiros).

E vi pelo menos 40 iguais, compondo a “cidade dos sonhos” que, antes movida pelo cinema, sobrevive em telas bem menores (há quem assista às séries no celular).

Com direito ao hotel onde se passava “Uma Linda Mulher” e a um camarim do tamanho de um flat, fui vendo que nisto a Netflix estava certa: era a maior produção de um reality culinário da história. Ambicioso, reunia cozinheiros profissionais de vários países (mais os superchefs), além de críticos e celebridades. Fora os contorcionismos para conseguir, nos Estados Unidos, produtos legalmente fornecidos para as receitas do mundo todo. 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.