Andy Warhol vira garoto-propaganda de hambúrguer 30 anos depois de morto

Principal nome da pop art estrelou comercial de 45 segundos neste domingo, durante o Super Bowl

Andy Warhol em propaganda do Burger King
Andy Warhol em propaganda do Burger King veiculada no Super Bowl - Reprodução
São Paulo

Andy Warhol morreu em 1987, há mais de 30 anos --mesmo assim, estrelou um comercial de 45 segundos neste domingo (3), durante o Super Bowl, a competição de futebol americano que é um dos principais eventos esportivos e de entretenimento do mundo.

O clipe minimalista mostra o símbolo da pop art desembrulhando e comendo um sanduíche do Burger King devidamente melecado no ketchup. Praticamente não há falas, apenas um som ambiente e uma hashtag no fim: #EatLikeAndy  ("comam como Andy", em português).

A questão que rondou a cabeça de muitos espectadores ao redor do mundo é como o artista foi estrelar um comercial da empresa mesmo após três décadas de sua morte?

A resposta está em um longa-metragem de 1982 chamado "66 Scenes From America", feito pelo dinamarquês Jorgen Leth. Nele, o diretor investiga a diferentes aspectos do dia a dia americano --e, entre as cenas, está Warhol desembrulhando e comendo um hambúrguer Whopper em Nova York. Foi um trecho da produção que se tornou o comercial do fast food neste domingo.

O filme completo de  Leth pode ser visto no YouTube.

No entanto, de acordo com uma entrevista antiga do diretor, a propaganda quase não existiu. Isso porque Warhol teria pedido inicialmente um sanduíche do McDonald's, pois achava que o design da marca era melhor, mais arrojado. Mas, como a produção não tinha comprado um hambúrguer do concorrente para as filmagens, ele acabou optando por um Burger King.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.